Confira a coluna de Antônio José Larangeira de 2 de agosto de 2013

O doutor em Urologia Edson Paschoalin e Sandra que estiveram em viagem ao exterior.
O doutor em Urologia Edson Paschoalin e Sandra que estiveram em viagem ao exterior.
O doutor em Urologia Edson Paschoalin e Sandra que estiveram em viagem ao exterior.
O doutor em Urologia Edson Paschoalin e Sandra que estiveram em viagem ao exterior.
O empresário Inocencio Chaves, que capitaneia a industria Metaf com sucesso.
O empresário Inocencio Chaves, que capitaneia a industria Metaf com sucesso.

Renda per capita de Feira, R$ 662,24

Segundo o Pnud, nas ultimas duas décadas, a renda per capita média de Feira de Santana cresceu 108,90% passando de R$317,02 em 1991 para R$412,85 em 2000 e R$662,24 em 2010. A extrema pobreza na cidade caiu de 21,51% em 1991 para 14,74% em 2000 e para 5,38% em 2010. A taxa média anual de crescimento foi de 30,23% no primeiro período e 60,41% no segundo. A extrema pobreza (medida pela proporção de pessoas com renda domiciliar per capita inferior a R$ 70,00, em reais de agosto de 2010) passou de 21,51% em 1991 para 14,74% em 2000 e para 5,38% em 2010. De acordo com o Gini, instrumento usado para medir o grau de concentração de renda, que aponta a diferença entre os rendimentos dos mais pobres e dos mais ricos, a desigualdade diminuiu: passou de 0,61 em 1991 para 0,61 em 2000 e para 0,60 em 2010. Em toda a Bahia, Feira de Santana ocupa a 5ª posição no IDHM em relação os 417 municípios do estado. Em relação aos 5.565 municípios do Brasil, a cidade é a 1546ª no ranking.

Melhora Educação

Além da renda per capita, no relatório do Pnud, revela que a dimensão que mais cresceu em Feira de Santana na última década, em termos absolutos, foi Educação (com crescimento de 0,179) seguida por Longevidade. Conforme o relatório, a taxa de analfabetismo da população de 18 anos ou mais diminuiu 12,43% nas últimas duas décadas.

Mortalidade e envelhecimento

Outro ponto importante favorável em Feira de Santana é que a mortalidade infantil que teve uma redução de 52%, isto é, passou de 32,8 por mil nascidos vivos em 2000 para 15,6 por mil nascidos vivos em 2010. O índice de envelhecimento, segundo a pesquisa, evoluiu de 4,60% para 5,91% e a razão de dependência (menor de 1 anos e maiores de 65 anos) de Feira de Santana passou de 53,42% para 42,96%. A esperança de vida ao nascer aumentou 13,0 anos nas últimas duas décadas, isto é, passou de 61,2 anos em 1991 para 67,9 anos em 2000, e para 74,2 anos em 2010.

Vencedores do Salão

O Salão de Artes Visuais de Feira de Santana, que foi inaugurado no último final de semana no Centro de Cultura Amélio Amorim, com a noite de abertura e premiação dos vencedores, sexta-feira,26, apresentou os seguintes vencedores que foram premiados com R$ 7 mil cada um: Adriano C. Machado, Coletivo Entrecho, com a obra “Piriguete 3 x 5,00” (gravura – serigrafia); Arthur Scovino, “Levando os elepês de Gal para passear” (instalação) e Flávio Marzadro, “Sublimazione Teológica II” (pintura). Também Foi conferida Menção Especial a João Oliveira, “De ladraduras e dentes ou do latim: pe(re)nnis (gravura em metal)” e a Mayra Lins, “Saturação” (instalação).

Fotopinturas na Uefs

Harmonizar e embelezar uma imagem. Colorir a foto em preto e branco. Faz parte da técnica de fotopintura, que se popularizou no Brasil, especialmente no Nordeste, durante o século XX. Este método artístico pode ser conferido na exposição “Retrato pintado: retoques na memória”, apresentada pelo Museu Casa do Sertão da Uefs). A exposição reúne 50 fotopinturas, produzidas a partir da década de 20, pertencentes a acervos de famílias de várias localidades como Tanquinho, Riachão de Jacuípe, Santo Amaro, Feira de Santana, Cruz das Almas, Crato (CE) e São Paulo.

Esta coluna é publicada nos sítios jornalísticos 

Jornal Grande Bahia

Tribuna da Bahia

Notícias da Bahia

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Antonio José Larangeira 3217 Artigos
Antonio José Larangeira nasceu em 11 de janeiro de 1945, é natural de Santo Amaro da Purificação (BA), é formado em Administração, pela Faculdade Anísio Teixeira (FAT). Atua como jornalista profissional, com registro nº 514 (SINJORBA/FENAJ) e publica coluna diária nos jornais Grande Bahia, Pátria Latina e Tribuna da Bahia. E-mail: ajlarangeira2@hotmail.com.