2ª Conferência Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário debate políticas públicas para o campo da Bahia

Governador Jaques Wagner participa da III Conferência de Promoção da Igualdade Racial do Estado da Bahia.
Governador Jaques Wagner participa da III Conferência de Promoção da Igualdade Racial do Estado da Bahia.
Governador Jaques Wagner participa da III Conferência de Promoção da Igualdade Racial do Estado da Bahia.
Governador Jaques Wagner participa da III Conferência de Promoção da Igualdade Racial do Estado da Bahia.

Com o tema “Por um Brasil e uma Bahia Rural com gente do jeito que a gente quer”, a 2ª CEDRSS promove discussões sobre eixos temáticos que compõem a agricultura de base familiar na Bahia.  O evento é uma iniciativa do governo do estado em parceria com o governo federal, e tem como principal objetivo a elaboração de diretrizes que atendam aos novos desafios para a consolidação da Bahia Rural, que resultará na ampliação e qualificação das políticas públicas direcionadas ao desenvolvimento rural sustentável.

Representando o governador Jaques Wagner na solenidade de abertura, o secretário da Agricultura, Eduardo Salles, ressaltou que as conferências representam um grande avanço para o setor agropecuário do Estado, já que diante da dimensão territorial da Bahia, com 90% dos municípios considerados rurais, essa é a melhor maneira de conhecer as necessidades e demandas de cada comunidade. “Essa conferência é resultado de um trabalho que vem sendo realizado nas esferas municipais e territoriais, onde foram levantadas particularidades de cada local através de debates, que darão o direcionamento das políticas públicas. Para uma melhor aplicabilidade e efetivação dessas políticas, o ideal é ouvir dos próprios agricultores familiares e movimentos sociais suas reais necessidades”, disse Salles.

Conferências territoriais 

De acordo com o superintendente da agricultura familiar da Secretaria da Agricultura (Seagri), Wilson Dias, além de compor o Plano Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável, com proposições para longo, médio e curto prazo, as contribuições levantadas servirão, também, para respaldar a construção do Plano Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário a ser aprovado na 2ª Conferência Nacional, que acontecerá em outubro deste ano, em Brasília. “Tivemos aproximadamente 300 conferências municipais e 27 territoriais, nas quais foram promovidas discussões que originaram um conjunto de propostas para ser consolidado e unificado na conferência estadual. O resultado final será documentado e levado para o âmbito nacional”, afirmou Dias. Nessas reuniões também foram eleitos os delegados, representantes dos 27 territórios de identidade, para participar da Conferência Estadual.

As conferencias territoriais e estadual trazem as discussões de temas relacionados ao desenvolvimento socioeconômico e ambiental do setor rural, o fortalecimento da agricultura familiar e da agroecologia, a reforma agrária, a democratização do acesso à terra e aos recursos naturais, além de temas transversais a exemplo da autônima das mulheres e jovens rurais e da promoção do etnodesenvolvimento. Para a secretária nacional de Desenvolvimento Territorial da MDA, Andrea Botto, “a riqueza das discussões territoriais, só aumenta a expectativa diante da forte delegação baiana que fará parte da conferência nacional, garantindo também, dessa maneira, a construção de um programa rural sustentável que contemple a igualdade entre homens e mulheres.

O Delegado do território Piemonte do Paraguaçu e produtor rural, Edilson Silva, destacou que uma das propostas levadas para a conferência estadual é a agricultura orgânica e de baixo carbono como alternativa para alimentação escolar. “Esse é um modelo já seguido pelo Paraná, por exemplo, onde 100% da merenda escolar é proveniente da agricultura orgânica”, confirmou Silva.

A Comissão Organizadora Estadual (COE) da 2ª CEDRSS, que teve início nesta terça-feira (27/08/2013) e segue até amanhã (29), é formada pela Secretaria da Agricultura (Seagri), Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), Secretaria de Relações Institucionais (SERIN), Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (SEPROMI), Secretaria do Trabalho (SETRE), Secretaria do Planejamento do Estado (SEPLAN), Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), INCRA e movimentos sociais de caráter estadual.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108757 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]