Tribunal de Justiça da Bahia homologa resultado final do concurso para juiz substituto

Tribunal de Justiça da Bahia.
Tribunal de Justiça da Bahia.
Tribunal de Justiça da Bahia.
Tribunal de Justiça da Bahia.
Tribunal de Justiça da Bahia.
Tribunal de Justiça da Bahia.

O Tribunal Pleno homologou, na manhã desta quarta-feira, 24 de julho de 2013, o resultado final do concurso público para preenchimento de 99 vagas para o cargo de Juiz Substituto do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJBA).

O certame, com edital de abertura divulgado no dia 12 de janeiro de 2012, foi realizado em cinco etapas e teve 8.235 candidatos com  inscrições preliminares deferidas. A demanda de candidato por vaga foi de 83,18.

A chegada dos novos magistrados fortalece o compromisso do TJBA na prestação de um serviço de qualidade à sociedade baiana. Para Valnei Mota Alves de Souza, classificado em 1° lugar no concurso, sua atuação e dos novos colegas priorizará o respeito ao jurisdicionados. “Me sinto extremamente honrado em ingressar no TJBA, que já tem um trabalho historicamente brilhante no cenário da Justiça nacional”.

Realizador do concurso, o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB) foi responsável por quatro das cinco fases do concurso:  prova objetiva seletiva, provas escritas, prova oral e avaliação de títulos.

Já ao TJBA, por intermédio da Comissão Especial de Concurso, presidida pela desembargadora Maria da Purificação da Silva, além da coordenação e supervisão de todo o processo seletivo, coube a realização de parte da terceira etapa. O TJBA realizou a inscrição definitiva, sindicância da vida pregressa e investigação social. Desta fase ainda, o CESPE realizou os exames de sanidade física e mental e  exame psicotécnico.

O edital com o resultado foi publicado no Diário da Justiça Eletrônico (DJE) desta segunda-feira (22/7). A previsão é que os aprovados tomem posse na primeira quinzena de setembro.

Confira relação dos classificados.

Sobre Carlos Augusto 9404 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).