Executado pela construtora FCK, Residencial Flores da Chapada é entregue em Ipirá; Empreendimento faz parte do programa Minha Casa Minha Vida

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Rui Costa entrega casas do PMCMV em Ipirá.
Rui Costa entrega casas do PMCMV em Ipirá.

O Governo da Bahia, através do programa Minha Casa Minha Vida, inaugurou, nesta sexta-feira (05/07/2013), o Residencial Flores da Chapada, no município de Ipirá. Foram entregues 307 casas, beneficiando mais de 1,2 mil pessoas. O empreendimento foi executado pela empresa feirense FCK Construções e Incorporações, dentro do prazo contratado.

A cerimônia contou com a presença dos secretários estaduais Rui Costa (Casa Civil), representando o governador Jaques Wagner, e Cícero Monteiro (Desenvolvimento Urbano), do prefeito de Ipirá, Ademildo Almeida, do superintendente regional da Caixa Econômica Federal, José Raimundo Cordeiro Junior, e outras autoridades.

Rui Costa comemorou a entrega e destacou novas conquistas previstas para o programa. “É imensa a satisfação de participar deste momento, da realização do sonho da casa própria para tantas famílias. Até o final do ano que vem, chegaremos a 180 mil unidades habitacionais entregues na Bahia. Nunca se investiu tanto em moradia no nosso estado”.

O residencial, localizado a 1,5km do centro de Ipirá, é resultado de um investimento de mais de R$ 11 milhões em recursos do Fundo do Arrendamento Residencial (FAR), do Ministério das Cidades (Governo Federal). As casas são térreas e possuem, cada uma, dois quartos, sala, cozinha e banheiro.

Este empreendimento é destinado a famílias com renda mensal de até R$ 1,6 mil. Todas receberam, além das chaves da residência, um cartão Minha Casa Melhor, com um valor de R$ 5 mil reais em crédito para compras de móveis e eletrodomésticos.

Rui Costa entrega casas do PMCMV em Ipirá.
Rui Costa entrega casas do PMCMV em Ipirá.
Sobre Carlos Augusto 9654 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).