Em Feira de Santana, adolescente finge-se de morto para escapar de assassinos

Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

Tiago da Conceição, 14 anos, foi atingido por quatro tiros deflagrados por desconhecidos na estrada do Coqueiro, bairro Alto do Papagaio, em Feira de Santana.

O adolescente disse que foi abandonado dentro de um matagal, após sofrer os disparos. Ainda segundo o menor, os autores da tentativa de morte fugiram em uma motocicleta e um veículo de passeio, dados ignorados.

Segundo informações de uma guarnição da PM que esteve no local, o garoto fingiu-se de morto, e assim que os atiradores se afastaram ele apressou-se em correr para uma portaria de um condomínio, aonde os seguranças solicitaram a presença de uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

O menor foi conduzido até a emergência do Hospital Geral Cleriston Andrade (HGCA) na noite passada (09/07/2013), onde segue internado.

Outra ocorrência

Na mesma noite, Francisco de Assis Correia de Melo, 38 anos, foi baleado na perna esquerda.

O ocorreu na rua Ceará no bairro da Queimadinha, e foi praticado por dois homens que fugiram em uma motocicleta .

Preso acusado de abusar de duas crianças em Feira de Santana

Policiais Civis da Delegacia ao Menor Infrator (Daí) prendeu na manhã desta terça-feira (09/07/2013), Josué Gonçalves Santos, 24 anos, residente na rua Pau Brasil, Expansão do Conjunto Feira IX, sob a acusação de abuso sexual.

De acordo com a delegada titular da especializada Patrícia Brito, o homem foi preso após um pedido de prisão temporária acatada pelo justiça.

O jovem foi acusado de abusar de duas crianças de 11 e 9 anos, sendo a enteada e um menino vizinho casa dele. O fato foi denunciado na semana passada pela mãe de um dos menores as autoridades policiais.

As crianças relataram na unidade policial que foram ameaçadas com uma faca, a fim de que fosse mantido o suposto sexual.

O auxiliar de serviços gerais negou os fatos, mas foi encaminhado ao Presídio Regional de Feira de Santana no final de tarde.

Adolescente acusado de matar a própria irmã se apresenta na delegacia

O adolescente de 16 anos acusado da morte da própria irmã de 5 anos, quando tentava matar o cunhado Luis Anselmo Cerqueira Nascimento, 41 anos, no dia 3 deste mês, se apresentou na Delegacia para o Adolescente Infrator (DAI), na manhã desta terça-feira (09/07/2013).

A delegada Patrícia Brito, titular da DAI, informou que o adolescente declarou que tinha a intenção de matar o cunhado e não sabia que a irmã estava dentro do veiculo. Ele alegou que queria matar o cunhado, pois o responsabilizava pelo suicídio de sua irmã Priscila Nery da Hora, 27 anos, fato ocorrido em janeiro deste ano. Acrescentou que o cunhado maltratava sua irmã, provocando seu suicídio.

Após ouvir o menor, investigadores da DAI e o acusado saíram em diligência para o local onde ele alegou ter jogado a arma do crime. A delegada Patrícia Brito informou que já encaminhou o inquérito para a justiça. O adolescente foi liberado.

Relembre o crime

Morreu na noite do dia 3 de junho no Hospital Estadual da Criança (HEC), Maria Eloise Silva da Hora, 5 anos, que morava na rua Belo Horizonte, bairro Jardim Acácia, em Feira de Santana.

De acordo com a delegada Milena Calmon, plantonista da Delegacia de Homicídios (DH), o adolescente de 16 anos, irmão da criança, efetuou tiros contra o veiculo Voyage, de cor preta, placa NTV-0424, na tentativa de acertar o ex-cunhado. Ele não sabia que havia outra pessoa no carro, conforme depoimento de parentes.

Segundo a ocorrência policial, o alvo dos tiros seria Luiz Anselmo Cerqueira do Nascimento, mas acabou atingindo a criança. O homem que seria alvo dos tiros disse que o autor dos disparos atribui a morte da esposa dele como se fosse assassinato, mas o caso foi registrado pela policia civil como suicídio, fato ocorrido em janeiro deste ano.

Minipresídio tem quatro meses sem funcionar

Quatro meses após a conclusão das obras do minipresídio em Feira de Santana, ainda não foram instalados os sistemas de água, esgoto e energia elétrica. Há ainda outros problemas para o funcionamento, como a necessidade de agentes penitenciários e a solução contra um alagamento que ocorre no prédio toda vez que chove.

O diretor adjunto Clériston Leite, acredita que a inauguração deverá acontecer até o mês de setembro deste ano, juntamente com a 2ª etapa do Presidio Regional de Feira de Santana, que passa por reformas e ampliação.

No minipresídio serão disponibilizadas mais 104 vagas e, com este quantitativo, o unidade penal poderá chegar a 1.320 vagas. Atualmente, há cerca de 1.100 detentos.

“O número insuficiente de funcionários somado à superlotação carcerária torna difícil o trabalho do agente. Estamos aguardando a convocação de novos servidores aprovados no último concurso, que estão esperando uma decisão judicial”, explica.

No último concurso realizado, foram chamados cerca de 500 aprovados, muitos desses já estão trabalhando em presídios no Estado e outros fizeram o curso, mas estão aguardando decisão judicial, pois recorreram contra a reprovação no psicoteste.

O diretor adjunto do Conjunto Penal, Clériston Leite, não permitiu que fossem fotos feitas fotografias do minipresídio, alegando que até a inauguração, a Secretaria da Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap) não permite que a imprensa tenha acesso ao local.

Fonte: Central de Polícia

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112801 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]