Prefeito de Candeias, Sargento Francisco, filia-se e toma posse como presidente do PSD municipal

Sargento Francisco deixa PMDB.
Francisco Silva Conceição (Sargento Francisco) deixa PMDB.
Sargento Francisco deixa PMDB.
Francisco Silva Conceição (Sargento Francisco) deixa PMDB.

Após vencer ação de justa causa no Tribunal Regional Eleitoral da Bahia para desfiliar-se do PMDB, o prefeito de Candeias, Francisco Silva Conceição, conhecido como Sargento Francisco, se filiará ao PSD e assumirá a presidência municipal da sigla, após definição do presidente estadual do PSD, o vice-governador Otto Alencar. A cerimônia, que contará com a presença de Otto e de diversas autoridades políticas, militares, civis e religiosas dos âmbitos municipal, estadual e federal, acontecerá às 10 horas da manhã da próxima segunda-feira (17/06/2013), na Câmara Municipal de Vereadores, situada no bairro Ouro Negro.

De acordo com Sargento Francisco, a filiação ao Partido Social Democrático (PSD), representa uma nova caminhada muito importante na atração de mais ações para Candeias, já que a legenda faz parte da base do governo Jaques Wagner, promovendo um alinhamento político e harmonia dos projetos.

Em declaração ao site Bahia Notícias, o vice-governador disse que deseja que, com a filiação, Francisco o Governo do Estado possa ajudar mais o município. Em entrevista ao Bahia Notícias, “Espero que, com essa parceria que o prefeito tem com o governo do Estado, a gente possa ajudar Candeias a ter uma boa gestão”, disse Otto.

Uma vez assumido o comando do partido no município, Sargento Francisco fará nova comissão do PSD, que antes estava no poder do filho da adversária Tonha Magalhães, o ex-deputado estadual Júnior Magalhães.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9608 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).