Deputado Paulo Azi diz que protestos refletem a piora das condições econômicas

Paulo Azi acredita que protestos refletem a piora das condições econômicas do país e do crescimento da inflação que afetaram o bolso da população.
Paulo Azi acredita que protestos refletem a piora das condições econômicas do país e do crescimento da inflação que afetaram o bolso da população.
Paulo Azi acredita que protestos refletem a piora das condições econômicas do país e do crescimento da inflação que afetaram o bolso da população.
Paulo Azi acredita que protestos refletem a piora das condições econômicas do país e do crescimento da inflação que afetaram o bolso da população.

O deputado Paulo Azi, presidente do Democratas da Bahia, externou sua preocupação com as manifestações de protesto contra o aumento da tarifa da passagem de ônibus que eclodem em diferentes estados do país e vêm gerando confronto,  entre manifestantes e a polícia, como aconteceu nos últimos dias em São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Rio Grande do Norte.

Para Azi os protestos refletem a piora das condições econômicas do país e do crescimento da inflação que afetaram o bolso da população e, com o reajuste nos preços das passagens, culminaram em sentimentos de indignação e revolta.

O democrata mostrou-se apreensivo com as cenas de violência protagonizadas por policiais e manifestantes, ao tempo em que destacou a postura do prefeito de Salvador, ACM Neto que além de não permitir o aumento das tarifas implantou na cidade o programa Domingo é meia, reduzindo em 50% o valor da passagem de ônibus aos domingos.

Carlos Augusto
Sobre Carlos Augusto 9296 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).