Projeto de irrigação do Baixio de Irecê é lançado em Itanhaçu da Bahia

Investimentos são realizados no Baixio de Irecê.
Investimentos são realizados no Baixio de Irecê.
Investimentos são realizados no Baixio de Irecê.
Investimentos são realizados no Baixio de Irecê.

O secretário de Agricultura, engenheiro agrônomo Eduardo Salles participou com o governador Jaques Wagner, o ministro da Integração Nacional, e Fernando Bezerra, presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), Elmo Vaz, de inauguração, nesta quinta-feira (23/05/2013), em Itaguaçu da Bahia, microrregião de Irecê, da Adutora do São Francisco e a ampliação das três etapas do Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA). A adutora vai abastecer mais de 330 mil pessoas em 16 municípios, com água captada no Rio São Francisco. Foram investidos R$ 182 milhões.

Com esta ação os agricultores do semiárido baiano poderão concorrer ao direito real de uso de quase 4,3 mil hectares na primeira etapa do projeto Baixio de Irecê, a 450 km de Salvador/BA. O Ministério da Integração Nacional autorizou a licitação de ocupação, por meio da Concessão de Direito Real de Uso (CDRU), de aproximadamente 250 lotes irrigáveis do projeto, localizado nos municípios baianos de Itaguaçu da Bahia e Xique-Xique, região central do estado, ao norte do Médio São Francisco.

O governador, o ministro e o presidente da Codevasf, Elmo Vaz, lançaram o edital de ocupação da 1ª etapa do projeto Baixio de Irecê e assinam convênio com o Banco do Nordeste para financiamento de agricultores na implantação do projeto. O governador vai autorizar a licitação do projeto de pavimentação da BA-052 no trecho Xique-Xique-Baixio.

Também foi assinado protocolo de intenções entre a Codevasf e a prefeitura de Xique-Xique para implantação do projeto Baixio Inclusão Social e anunciada a licitação dos estudos de viabilidade e anteprojeto de revitalização do rio Verde a partir da barragem de Mirorós. O objetivo é aumentar a disponibilidade hídrica na região, beneficiando a população de Itaguaçu da Bahia, Ibipeba e Xique-Xique. O investimento previsto para esta fase é de R$ 1,6 milhão.

Esta ação, conforme o secretário Eduardo Salles foi fruto de reuniões realizadas durante a Expo Jequié que contou com a presença de representantes do município de Xique-Xique que pleitearam a ação ao presidente da Codevasf, Elmo Vaz.

Salles disse que esta é a realização de um sonho para região que tem condições ideais de solo e clima para agricultura irrigada, visto que, os agricultores já utilizam com eficiência o sistema de irrigação. Afirma ainda, que a região que já é um importante polo produtor de hortifrutigranjeiros se tornará um dos maiores do ramo no Brasil, com a chegada da água, o que é motivo de comemoração, afirmou o secretário.

Baixio de Irecê- O Baixio de Irecê é um dos projetos incluídos no programa Mais Irrigação, coordenado pelo Ministério da Integração Nacional, e lançado pela presidenta Dilma no final do ano passado. O empreendimento terá capacidade de gerar aproximadamente 4,5 mil empregos diretos e 8,5 mil empregos indiretos. A Concessão de Direito Real de Uso- CDRU da primeira etapa do projeto Baixio de Irecê criará condições para o uso produtivo das áreas irrigáveis e não-irrigáveis, por meio de atividades agrícolas e agropecuárias, promovendo a função social da terra e o desenvolvimento econômico da região, de acordo com a Codevasf.

O uso da terra pelos agricultores selecionados será gratuito durante os 35 anos da CDRU. A Codevasf é responsável pela implantação de 100% da infraestrutura de irrigação nessa etapa do projeto. Um acordo de cooperação técnica e financeira entre a Companhia e o Banco do Nordeste do Brasil (BNB) garante o financiamento das culturas. Na infraestrutura desta primeira etapa a Codevasf investiu R$ 227 milhões, provindos do PAC. Os recursos disponíveis para fomento à produção são da ordem de R$ 272,8 milhões, do Banco do Nordeste, por meio do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE).

A adutora do são Francisco vai abranger 16 municípios sendo eles: Irecê, América Dourada, João Dourado, Lapão, Ibipeba, Ibititá, Barro Alto, Barra dos Mendes, Canarana, Presidente Dutra, Uibaí, São Gabriel, Jussara, Central, Cafarnaum, Itaguaçu da Bahia.

A ampliação das três etapas do Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA) objetiva expandir a área irrigada no País e desenvolver a região. A primeira fase da construção contempla a região de Itanhaçu da Bahia, segue até Central e por fim, chega a Irecê. De acordo com o governo do Estado, o projeto de irrigação do Baixio de Irecê almeja promover o desenvolvimento sustentável de atividades como a ovinocaprinocultura, bovinocultura, avicultura, fruticultura e apicultura.

Sobre Carlos Augusto 9717 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).