Milton Santos e o centro da cidade do Salvador | Por Juarez Duarte Bomfim

Baiano de Salvador, Juarez Duarte Bomfim é sociólogo e mestre em Administração pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), doutor em Geografia Humana pela Universidade de Salamanca, Espanha; e professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).
Baiano de Salvador, Juarez Duarte Bomfim é sociólogo e mestre em Administração pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), doutor em Geografia Humana pela Universidade de Salamanca, Espanha; e professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).

Com um hiato de meio século, foi lançado a 2ª edição do livro do geógrafo baiano Milton Santos, O Centro da Cidade do Salvador. Obra rara até então, de valor inestimável, só encontrada em sebos ou em precárias cópias xerográficas, a tese de doutorado em Geografia Humana na Faculdade de Letras da Universidade de Strasbourg, na França, defendida em 1958, veio a lume em regime de co-edição entre a Assembléia Legislativa da Bahia e as editoras da Universidade Federal da Bahia (Edufba) e da Universidade de São Paulo (Edusp).

A tese de doutorado de Milton Santos veio consagrar o jovem advogado e jornalista como geógrafo. Aprovada com menção de honra e felicitações da banca examinadora, esta obra abriu caminho para tornar Milton Santos um dos maiores geógrafos do seu tempo, reconhecido internacionalmente ao conquistar o Vautrin Lud, considerado o Prêmio Nobel da Geografia.

O Centro da Cidade do Salvador teve a sua primeira edição publicada em 1959 pela Universidade da Bahia, sendo o prefácio assinado pelo editor Pinto de Aguiar, da Livraria Progresso Editora. Na edição francesa, o prefácio foi de Pierre Monberg, diretor do Instituto de Altos Estudos da América Latina da Universidade de Paris – ambos foram reproduzidos nesta segunda edição.

O trabalho é o mais importante estudo sobre o velho centro da capital baiana no cenário dos anos 1950, permitindo a compreensão do processo de degradação da zona do Pelourinho com seus cortiços, todo o processo de evolução humana da cidade que saía de uma fase de estagnação econômica para o impulso ganho no pós-guerra, gerado pela mudança progressiva da produção de riqueza – a industrialização tardia – que gerou forte migração para Salvador e o conseqüente crescimento populacional, com o surgimento de novos bairros e os subcentros da Calçada e Liberdade.

Mesmo raro ou fotocopiado, este livro nunca deixou de ser usado em salas de aula da graduação e pós-graduação aqui na Bahia. Gerações de geógrafos, arquitetos e urbanistas tiveram essa obra como referência, o que os influenciou na forma de pensar a Cidade do Salvador e o seu Centro Histórico (Pelourinho).

Falecido em 2001, o professor Milton Santos, Doutor Honoris causa pela Universidade de Barcelona, distinção recebida após proposta feita àquela instituição pelo geógrafo catalão Carles Carreras, Milton deixou inúmeros amigos e discípulos na Bahia, São Paulo, Espanha e quiçá no mundo inteiro.

O meu primeiro contato com este livro foi durante o curso de Mestrado, utilizando o velho exemplar existente na Biblioteca da Escola de Administração da UFBA. Foi fundamental para elaborar a minha dissertação.

É com grata satisfação que recebo e divulgo tão importante notícia de reedição desta obra. O livro do professor Milton Santos foi motivador e fonte de inspiração para a minha tese de doutorado defendida no Departamento de Geografia da Universidade de Salamanca, Espanha, Estudo geográfico do Centro Histórico de Salvador e a sua integração sócio-urbana, bem orientada pelo Prof. Dr. Eugenio García Zarza, um amigo salmantino do baiano Milton Santos.

Juarez Duarte Bomfim
Sobre Juarez Duarte Bomfim 740 Artigos
Baiano de Salvador, Juarez Duarte Bomfim é sociólogo e mestre em Administração pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), doutor em Geografia Humana pela Universidade de Salamanca, Espanha; e professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Tem trabalhos publicados no campo da Sociologia, Ciência Política, Teoria das Organizações e Geografia Humana. Diversas outras publicações também sobre religiosidade e espiritualidade. Suas aventuras poético-literárias são divulgadas no Blog abrigado no Jornal Grande Bahia. E-mail para contato: [email protected]