Adutora do São Francisco leva água a mais de 330 mil moradores da região de Irecê

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Governador Jaques Wagner visita às obras da Estação de Tratamento da Adutora do São Francisco, no município de Itaguaçu da Bahia, em 28 de abril de 2012.
Governador Jaques Wagner visita às obras da Estação de Tratamento da Adutora do São Francisco, no município de Itaguaçu da Bahia, em 28 de abril de 2012.
Governador Jaques Wagner visita às obras da Estação de Tratamento da Adutora do São Francisco, no município de Itaguaçu da Bahia, em 28 de abril de 2012.
Governador Jaques Wagner visita às obras da Estação de Tratamento da Adutora do São Francisco, no município de Itaguaçu da Bahia, em 28 de abril de 2012.

O governador Jaques Wagner e o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, inauguram, nesta quinta-feira (23/05/2013), às 10h, em Itaguaçu da Bahia, microrregião de Irecê, a Adutora do São Francisco e a ampliação das três etapas do Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA). Construída pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), a adutora vai abastecer mais de 330 mil pessoas em 16 municípios, com água captada no Rio São Francisco. Foram investidos R$ 178 milhões.

O governador, o ministro e o presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), Elmo Vaz, lançam o edital de ocupação da 1ª etapa do projeto Baixio de Irecê e assinam convênio com o Banco do Nordeste para financiamento de agricultores na implantação do projeto. O governador vai autorizar a licitação do projeto de pavimentação da BA-052 no trecho Xique-Xique-Baixio.

Também será assinado protocolo de intenções entre a Codevasf e a Prefeitura de Xique-Xique para implantação do projeto Baixio Inclusão Social e anunciada a licitação dos estudos de viabilidade e anteprojeto do reforço hídrico da barragem de Mirorós a partir do Rio São Francisco.

Sobre Carlos Augusto 9662 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).