História da Micareta de Feira de Santana em exposição no Paço Municipal Maria Quitéria

Sede da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, Paço Maria Quitéria. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)
Sede da Prefeitura Municipal de Feira de Santana, Paço Maria Quitéria. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)

A história da Micareta de Feira de Santana, primeiro Carnaval fora de época do Brasil, criado em 1937, será contada através de uma exposição fotográfica retratando traços marcantes e as transformações ao longo dos anos, em mostra que será realizada nesta sexta-feira, 19, às 16h, no saguão do Paço Municipal Maria Quitéria.

Já a partir de segunda-feira, 22, a exposição fotográfica será aberta aos visitantes no Shopping Boulevard, e conforme o diretor do Departamento de Eventos da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, Naron Vasconcelos, deverá permanecer após a Micareta.

As imagens, captadas por diversos fotógrafos em épocas distintas, revelam momentos que marcaram a Micareta e sua evolução. A princípio, a festa teve o nome de Micareme, derivado de uma festa francesa.

Desde sua criação, a Micareta somente não foi realizada em dois anos. Um, na década de 40, em função da Segunda Guerra Mundial, e outra em 60, por conta do Golpe de Estado.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110940 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]