Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Feira de Santana comemora o dia de São José

Zé Grande fala em escassez e água impropria para consumo.
Zé Grande fala em escassez e água impropria para consumo.
Zé Grande fala em escassez e água impropria para consumo.
Zé Grande fala em escassez e água impropria para consumo.

O Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Feira de Santana (STR Feira) comemora nesta terça-feira, 19 de março de 2013, o dia de São José, a partir das 15 horas, na comunidade da Vagem, no Sítio Maria Quitéria, após o bairro Pedra Ferrada. Com uma caminhada até a paróquia do distrito, o ritual do plantio, em seguida a missa para São José, após agradecer e pedir por um ano de chuva e boa colheita, acontecerá uma festa com samba de roda da comunidade.

Com a forte estiagem, que vem arrasando a zona rural, que em 2011 e 2012, 80% e 90% do plantio foi perdido respectivamente, a esperança chega nesta terça-feira, 19 de março, no dia de São José.

Por ser a energia motriz para a vida humana e de produtividade, os trabalhadores rurais, todos os anos, nesta data realiza missa e festeja para o santo. De acordo com a tradição e o homem do campo, se chover nesse dia o ano será de bom plantio e colheita. A forte estiagem que vem castigando a zona rural, já tem reflexo nas cidades com os altos preços nos alimentos da agricultura familiar e a falta d’água por diversas cidades. A agricultura familiar foi atingido seriamente. As lavouras perdidas, o chão está rachado, os barreiros e pequenos açudes secos.

De acordo com José Ferreira (conhecido como Zé Grande) Presidente do STR Feira mesmo com o decreto assinado pelo prefeitura a situação é muito mais grave. “Estamos, o homem e a mulher do campo, passando necessidades e a nossa fé que nós faz acreditar que tudo possa mudar, além disso, o nosso esforço em buscar projetos e programas para melhorar a vida dos agricultores familiares, por isso, defendemos as cisternas por causa dos período das estiagem, se não tivéssemos o que seria de nós? ”, desabafa Zé Grande.

Em breve, o STR Feira realizará uma coletiva de imprensa para expor as reais problemáticas da zona rural de Feira de Santana e apresentará um documento oficial que será entregue ao poder público federal, estadual e municipal sobre as demandas detalhadas, por distritos na nossa cidade.

Sobre Carlos Augusto 9506 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).