Conseguimos fazer um conjunto de obras que mostram uma nova face para esse novo Nordeste, afirma presidenta Dilma Rousseff

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Presidenta Dilma Rousseff posa para foto com populares durante a cerimônia de entrega do trecho Floresta-Serra Talhada do Sistema Adutor Pajeú; de ônibus escolares, do programa caminho da escola; e de 22 máquinas retroescavadeiras a municípios do estado de Pernambuco.
Presidenta Dilma Rousseff posa para foto com populares durante a cerimônia de entrega do trecho Floresta-Serra Talhada do Sistema Adutor Pajeú; de ônibus escolares, do programa caminho da escola; e de 22 máquinas retroescavadeiras a municípios do estado de Pernambuco.
Presidenta Dilma Rousseff posa para foto com populares durante a cerimônia de entrega do trecho Floresta-Serra Talhada do Sistema Adutor Pajeú; de ônibus escolares, do programa caminho da escola; e de 22 máquinas retroescavadeiras a municípios do estado de Pernambuco.
Presidenta Dilma Rousseff posa para foto com populares durante a
cerimônia de entrega do trecho Floresta-Serra Talhada do Sistema
Adutor Pajeú; de ônibus escolares, do programa caminho da escola; e de
22 máquinas retroescavadeiras a municípios do estado de Pernambuco.

Entrega de retroescavadeiras, motoniveladoras e caminhões-caçamba para prefeituras do Semiárido Nordestino com mais de 50 mil habitantes, prorrogação do Seguro-Safra e Bolsa Estiagem e R$ 3,1 bilhões em investimentos para Pernambuco. Essas medidas estão entre os anúncios feitos pela presidenta Dilma Rousseff durante a inauguração do primeiro trecho do Sistema Adutor do Pajeú, nesta segunda-feira (25/03/2013), em Serra Talhada (PE). No evento, ela ainda falou de crescimento econômico e da importância de se combater as desigualdades regionais e sociais.

“Eu queria dizer para vocês que em que pese tudo isso, nós estamos vendo uma mudança acelerada aqui na região. (…) Nós aqui conseguimos uma questão fundamental. Nós conseguimos que a economia crescesse e que a indústria aqui também aumentasse a sua presença. Nós conseguimos fazer um conjunto de obras que fazem e mostram uma nova face para esse novo Nordeste”, afirma.

Para combater os efeitos da seca, a pior dos últimos 50 anos, Dilma ressaltou a importância dos investimentos em obras estruturantes, que já somam R$ 32 bilhões em adutoras, barragens, canais, estações, canais, entre outras. A presidenta também falou do volume de investimentos em Pernambuco, que chega, somando as verbas de financiamento, do Orçamento Geral da União e das estatais, a R$ 60 bilhões.

“Nós temos obrigação de construir no Brasil, uma garantia de água que permita que a seca seja um evento da natureza, mas não provoque, não mude e não diminuía o ritmo das conquistas do povo brasileiro e do povo nordestino. Por isso, aqui, no nordeste, nós estamos investimento em torno de R$ 32 bilhões de reais em adutoras, barragens, canais, estações de tratamento, rede de abastecimento de água, programa água para todos”, completa.

[wp-imageflow2]

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 121698 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.