Prefeito José Ronaldo lança Pacto de Requalificação do Centro Comercial de Feira de Santana

José Ronaldo anuncia mais uma invasão de espaço público protagonizado pela prefeitura de Feira de Santana. Desta vez o alvo é o calçadão da Sales Barbosa.
José Ronaldo anuncia mais uma invasão de espaço público protagonizado pela prefeitura de Feira de Santana. Desta vez o alvo é o calçadão da Sales Barbosa.

O prefeito José Ronaldo de Carvalho lançou, na manhã desta segunda-feira (25/02/2013), no Paço Municipal Maria Quitéria, o Pacto de Requalificação do Centro Comercial de Feira de Santana, através da assinatura de serviços e acordo de cooperação de várias obras que passarão a ser executadas no comércio, fruto de estudos e diálogos estabelecidos entre o Governo Municipal e vinte entidades de classe e lideranças representativas da economia local, num arrojado projeto denominado de “Pacto de Feira”.

Coordenado pelo secretário de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico Antonio Carlos Borges Júnior, o “Pacto de Feira” contemplará obras de impacto na infraestrutura de ruas, praças e calçadões situados no âmbito do coração comercial da cidade, a exemplo da avenida Senhor dos Passos, cuja fiação elétrica passará a ser subterrânea, a implantação da Zona Azul visando disciplinar o estacionamento de veículos, carga e descarga de mercadorias, e a padronização das barracas de camelôs, ao longo do calçadão da rua Sales Barbosa e ruas adjacentes.

Concebido para receber ações em curto, médio e longo prazo, dada a sua complexidade o projeto também terá a participação do Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico, órgão responsável pela aplicação de todas as políticas públicas do município  e que congrega representantes de todos os segmentos sociais.

“O nosso objetivo é envolver a sociedade civil de forma cidadã para que nós possamos resolver as nossas demandas, pactuando com cada pessoa, cada cidadão, dentro de uma visão única de difundirmos uma nova cultura urbana, solidária e justa para o desenvolvimento social e econômico do município”, ponderou Antonio Carlos Borges Júnior.

O Pacto da Feira se estende, ainda, a uma gama de obras que já foram autorizadas pelo prefeito José Ronaldo a serem executadas através de recursos oriundos da Caixa Economia Federal para a requalificação do Centro de Abastecimento, que receberá  obras no setor de artesanato, áreas de eventos culturais e seus galpões, como um todo, além de  melhorias na infraestrutura do Mercado de Arte Popular, através de repasses de emenda parlamentar que já se encontra em tramitação na esfera do Governo Federal.

Dentre os atos assinados pelo prefeito José Ronaldo destacam-se, entre eles, a autorização à Secretaria de Desenvolvimento Econômico para a contratação de uma empresa de consultoria para o planejamento da construção do shopping a céu aberto da rua Sales Barbosa e de estudos técnicos para a implantação de poços artesianos na rua Olimpio Vital, onde será projetado um canteiro ornamental de flores e plantas.

Ao se dirigir às lideranças de classe e políticas, à imprensa e secretários de governo, José Ronaldo enfatizou a “importância de nos despirmos das nossas vaidades pessoais para que tenhamos êxito neste projeto”, disse, lembrando que evitou dar conotação política ao “Pacto de Feira”, “ porque este projeto não é de nenhum partido político, e sim de todos os segmentos da nossa sociedade, aqui representados, pois o nosso objetivo principal é superarmos as nossas dificuldades em torno de Feira de Santana”, concluiu.

O “Pacto da Feira” terá a participação de todas as secretarias, autarquias e fundações do Governo Municipal, sendo que cada uma delas dará a sua contribuição dentro das suas respectivas áreas de ação.

O projeto recebeu a adesão da Associação Comercial e Empresarial (Acefs),Associação de Ambulantes (Afeva), Associação de Vendedores do Feiraguai (Avanfs), Mercado de Arte Popular, Associação dos Floristas, Câmara Municipal, Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Centro das Indústrias de Feira de Santana (Cifs), Instituto PensarFeira, Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas (Sebrae), Sindicatos dos Trabalhadores das Feiras Livres, Sindicato do Comércio (Sincomfs), Sindicato dos Comerciários, Sindicato de Bares, Hotéis e Restaurantes, Sindicato dos Contadores, Sindicato dos Taxistas, Sindicato dos Camelôs (Sindcame) e Sindicato da Indústria do Vestuário (Sindvest) e Associação Centro de Educação Tecnológica da Bahia (Asceteb).

Leia +

‘Cartões Postais de Feira de Santana’ visita o centro da cidade e constata o abandono por parte da gestão pública

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112572 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]