Ao custo de R$ 20, TRANSALVADOR cria áreas especiais para estacionamento durante o Carnaval 2013

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Folião paga R$ 20 para estacionar carros próximo ao perímetro carnavalesco.
Folião paga R$ 20 para estacionar carros próximo ao perímetro carnavalesco.

Folião paga R$ 20 para estacionar carros próximo ao perímetro carnavalesco.
Folião paga R$ 20 para estacionar carros próximo ao perímetro carnavalesco.

O superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller, alerta os motoristas sobre mudanças no estacionamento público durante o Carnaval. O órgão municipal de trânsito criou áreas especiais próximas aos circuitos e será cobrada a tarifa de R$ 20 pela permanência de 12 horas.

Segundo Fabrizzio, para cada dia haverá uma cartela de cor diferente, que será distribuída e cobrada por guardador vinculado ao Sindguarda, devidamente uniformizado. “É ele quem estará habilitado a vender a cartela e cobrar pela vaga do estacionamento público”.

Para não ser ludibriado por flanelinhas, o usuário deverá ficar atento ao uniforme do guardador do Sindguarda, que deve estar obrigatoriamente usando um colete amarelo com listas laranjas, numeração e marcas dos órgãos responsáveis.

“É imprescindível também que os motoristas deixem a cartela à vista, no interior do carro, para não serem multados pela fiscalização da Transalvador”, avisa o superintendente.

Sobre Carlos Augusto 9654 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).