Secretário estadual Jorge Solla faz visita ao HGCA para avaliar condições gerais da unidade

Luiz Carlos, diretor médico HCGA, mostra setores do hospital.
Luiz Carlos, diretor médico HCGA, mostra setores do hospital.
Luiz Carlos, diretor médico HCGA, mostra setores do hospital.
Luiz Carlos, diretor médico HCGA, mostra setores do hospital.

Com um grupo composto por integrantes da Corregedoria Geral do Estado e Secretaria de Administração, o secretário da Saúde, Jorge Solla e sua equipe, visitaram na manhã desta segunda-feira (14/01/2013) o Hospital Geral Clériston Andrade. O deputado estadual e líder do governo na Assembleia Legislativa, Zé Neto (PT), também participou da visita que contou com representantes de outros órgãos do Governo.

A ação faz parte da inspeção às 53 unidades da rede própria da Sesab que estão passando por processo intensificado na fiscalização da presença de seus profissionais. A medida vem no momento em que a Sesab está implantando o sistema de ponto digital que funcionará a partir de fevereiro.  “Após a verificação, os casos que não comprovarem a freqüência na escala estabelecida vão ser alvo de apuração e, caso seja comprovado que houve negligência, vão sofrer as penalidades estabelecidas na Lei do Servidor Público”, disse Jorge Solla.

O deputado Zé Neto também falou sobre a visita. “Hoje estamos aqui para, de perto, fazer uma avaliação mais precisa das condições e das formas de enfrentamento que utilizaremos para melhorar tanto a gestão do hospital na parte física como também na parte de pessoal e encontrar uma forma de melhorar o atendimento às pessoas que procuram o hospital. Nossa parte é acompanhar e cobrar da secretaria medidas que possam realmente modificar para melhor a realidade do atendimento”.

Zé Neto ressaltou melhorias como seleção de pessoal através de concurso público. “Saímos de três para dez salas de cirurgia, praticamente mais do que dobramos o número de UTIs em Feira de Santana, ampliamos o número de funcionários, fizemos concurso público e hoje não existe um REDA [Regime Especial de Direito Administrativo] no Clériston. Gradativamente os contratos estão vencendo e não há mais renovação. Chamamos mais de 380 concursados – é o maior número de concursados já chamados na história de Feira de Santana. Tudo isso busca, exatamente, a melhoria no atendimento, mas essas medidas não podem estar isoladas, tem que ter outros subsídios de infraestrutura e gestão de pessoal. Este é um dos pontos que iremos atacar de forma mais incisiva com vistas a que a resolução do hospital melhore e o atendimento fique mais eficiente”.

Melhorias no atendimento

Jorge Solla também falou sobre o esforço para melhorar o atendimento no Clériston. “A capacidade de atendimento do hospital tem melhorado, inclusive do ponto de vista cirúrgico, terapia intensiva, serviços de diagnóstico com os novos equipamentos que foram implantados e com as reformas que foram feitas, com o novo centro cirúrgico, reforma de UTI e de áreas de diversos serviços”.

Novo Hospital Geral

 O secretário falou que já tem ordem do governador para dar inicio a elaboração do projeto do novo hospital geral para Feira de Santana, mas, ainda assim, novas reformas serão feitas no HCGA. “Feira de Santana precisa, num prazo mais breve possível, de uma nova unidade hospitalar por ser uma cidade que já passa dos 500 mil habitantes, que tem no seu entorno mais de um milhão de habitantes e que demanda serviços especializados. Temos programado uma grande reforma na emergência e em algumas enfermarias, mas não é o suficiente par dar conta da ampliação que necessita de assistência especializada de urgência e emergência para Feira e região. Por isso, o governador Wagner já autorizou que a gente começasse a elaborar o projeto de um novo hospital geral para Feira de Santana”, anunciou.

Também participaram da visita Gisélia Souza (superintendente de Atenção Integral à Saúde), José Walter (diretor de gestão da Rede de Hospitais do Estado), Vespasiano Neto (diretor de gestão da Rede Própria sob Gestão Indireta  – GI), Eliana Boaventura (subsecretária estadual de Desenvolvimento e Integração Regional – Sedir),  Aurelino Bento (assessor do senador Walter Pinheiro), Tarcísio Branco (chefe de gabinete do deputado Zé Neto), Luiz Carlos (diretor médico do HGCA), Carlos Rocha Holtz Filho (diretor administrativo do HGCA), Ilma Silva (assessora de comunicação do HGCA) e Francisco Querioz (assessor da diretoria do HCGA).

Carlos Augusto
Sobre Carlos Augusto 9389 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).