Governo do Estado assina convênio para construção de nova sede da Cooperativa dos Badameiros de Feira de Santana

Líder de governo, Zé Neto (PT), articulou a negociação entre o Estado e a Cooperativa de Badameiros.
Líder de governo, Zé Neto (PT), articulou a negociação entre o Estado e a Cooperativa de Badameiros.
Líder de governo, Zé Neto (PT), articulou a negociação entre o Estado e a Cooperativa de Badameiros.
Líder de governo, Zé Neto (PT), articulou a negociação entre o Estado e a Cooperativa de Badameiros.

A Cooperativa dos Badameiros de Feira de Santana (COOBAFS) está em festa. O governo do Estado, através da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), assinou o termo de convênio que vai permitir a construção de uma nova sede para a instituição. O líder de governo na Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Zé Neto (PT), intermediou as negociações entre a cooperativa e o governo, com o apoio da subsecretária de Desenvolvimento e Integração Regional, Eliana Boaventura, e comemora a assinatura do convênio.

O contrato prevê obras e serviços de engenharia, implantação, gerenciamento e realização de atividades programadas. O terreno comprado pelo Estado está localizado no Centro Industrial Subaé, em Feira de Santana, e tem cerca de 6 mil m². O recurso é de R$ 300 mil, com prazo de 720 dias para a execução das interferência.

A COOBAFS existe desde 2003 e realiza atividades de coleta de materiais seletivos, como papel, plástico, vidro e papelão. Cerca de 45 famílias sobrevivem dessa atividade que emprega 50 colaboradores. A quantidade mensal de resíduos sólidos coletados pela instituição varia entre 80 e 100 toneladas.

“Estávamos sendo, constantemente, ameaçados de despejo. Agora teremos um lugar que é nosso, uma sede própria. Com a construção da nossa sede, teremos novas oportunidades para ampliar o número de associados ou a quantidade de resíduos coletados. A ação do Governo passa tanto pelo campo material, como de sentimentos, sentimentos de maior segurança, agradecimento e dignidade” afirmou Vivian Menezes, assistente social da Cooperativa.

Há oito anos a sede dos badameiros da COOBAFS funciona no prédio da Empresa Baiana de Alimentos (EBAL), na Avenida João Durval. No entanto, em 2011 o local foi alvo de um processo judicial movido pelo Sindicato das Empresas de Vestuário (Sindivest), que queria a reintegração de posse, já que o prédio seria destinado para construção de um pólo de confecções, mas o projeto não foi concretizado.

O resumo do convênio foi publicado no Diário Oficial da Bahia desta quarta-feira (19/12/2012).

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9738 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).