Violência na Bahia: Luciano Simões cobra intervenção do governo baiano junto ao Ministério da Justiça

Logomarca do Jornal Grande BahiaLogomarca do Jornal Grande Bahia

Com 16 policiais assassinados este ano, a Bahia é o segundo Estado com maior número de mortes na categoria em 2012. Essa estatística foi levantada pelo líder do PMDB/DEM na Assembleia Legislativa, deputado Luciano Simões, que usou a tribuna da Casa na tarde desta terça-feira (13/11/2012), para criticar a escalada da violência na capital baiana e região metropolitana.

O parlamentar também mencionou o índice de assalto a bancos no país que, ao longo do primeiro semestre desse ano, cresceu 25,2% em relação ao mesmo período de 2011. Outro agravante na segurança pública relatado por Luciano Simões foi à fuga de 34 detentos do Complexo Policial de Barreiras, ocorrido no último dia 07 de novembro, no oeste baiano. Ainda de acordo com o peemedebista, um estudo sobre a violência no país revela que o número de assassinatos registrados em Salvador, supera hoje as ocorrências no Rio de Janeiro e São Paulo, tidas até bem pouco tempo atrás como as capitais mais violentas do país.

“Nos três últimos finais de semana, Salvador e região metropolitana tiveram 74 homicídios, já em São Paulo, onde ocorre o estardalhaço nacional, houve 63 mortes com a guerra instaurada entre os marginais e a polícia. A violência em Salvador supera em 11 vezes mais a de São Paulo. A Bahia está discriminada sem a ajuda do Ministério da Justiça, e se faz necessário que os governantes baianos interfiram nisso”, observou Simões.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]