Raio tira do ar sinal das rádios Sociedade de Feira e Princesa FM

Joilton Freitas: “Equipamentos esfumaçavam, ruídos de pequenas explosões tomaram conta do estúdio. Mantive a calma, e tentei compreender o fenômeno que ocorria. Felizmente ninguém saiu ferido. Mas o susto foi grande, para alguns dos colegas.”.
Joilton Freitas: “Equipamentos esfumaçavam, ruídos de pequenas explosões tomaram conta do estúdio. Mantive a calma, e tentei compreender o fenômeno que ocorria. Felizmente ninguém saiu ferido. Mas o susto foi grande, para alguns dos colegas.”.
Joilton Freitas: “Equipamentos esfumaçavam, ruídos de pequenas explosões tomaram conta do estúdio. Mantive a calma, e tentei compreender o fenômeno que ocorria. Felizmente ninguém saiu ferido. Mas o susto foi grande, para alguns dos colegas.”.
Joilton Freitas: “Equipamentos esfumaçavam, ruídos de pequenas explosões tomaram conta do estúdio. Mantive a calma, e tentei compreender o fenômeno que ocorria. Felizmente ninguém saiu ferido. Mas o susto foi grande, para alguns dos colegas.”.

Na tarde de hoje (06/11/2012), em Feira de Santana, descargas de relâmpago atingiram o sistema elétrico das rádios Sociedade AM e Princesa FM, danificando os equipamentos responsáveis pela produção e geração dos sinais radiofônicos.

O jornalista Joilton Freitas, no momento em que ocorreu a falha no sistema elétrico, transmitia o programa Rotativo News.

“Equipamentos esfumaçavam, ruídos de pequenas explosões tomaram conta do estúdio. Mantive a calma, e tentei compreender o fenômeno que ocorria. Felizmente ninguém saiu ferido. Mas o susto foi grande, para alguns dos colegas.”, explica.

A direção das rádios avalia a extensão dos danos ocorridos. Mas até o momento, não explicitou quando as atividades serão normalizadas.

Carlos Augusto
Sobre Carlos Augusto 9378 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).