Políticos de Jequié se unem para tentar reverter perda de emenda parlamentar

Deputado estadual Euclides Fernandes, ministro Paulo Sérgio Passos, deputado federal Antonio Brito e Leur Lomanto.
Deputado estadual Euclides Fernandes, ministro Paulo Sérgio Passos, deputado federal Antonio Brito e Leur Lomanto.
Deputado estadual Euclides Fernandes, ministro Paulo Sérgio Passos, deputado federal Antonio Brito e Leur Lomanto.
Deputado estadual Euclides Fernandes, ministro Paulo Sérgio Passos, deputado federal Antonio Brito e Leur Lomanto.

Um grupo de políticos, em conjunto com o deputado federal Antonio Brito (PTB-BA), ainda tenta reverter a perda da verba para a construção de um novo acesso viário à Jequié, uma obra orçada em aproximadamente R$ 12 milhões.

Um ofício que solicita a inclusão do projeto na agenda do Ministério dos Transportes foi entregue pessoalmente pelo parlamentar ao ministro Paulo Sérgio Passos, durante sua visita à Salvador na manhã desta sexta-feira (30). Brito esteve acompanhado pelo deputado estadual Euclides Fernandes (PDT) e por Leur Lomanto, representando o seu filho, o deputado estadual Leur Lomanto Jr. (PMDB).

“O ofício está na mão do ministro. Tive a oportunidade de informá-lo sobre a urgência dessa obra e sobre o impacto que trará pra toda a região. Não adianta ficar apontando o culpado. O que adianta é trabalhar por Jequié. A presença de Leur e Euclides demonstra que estamos unidos pela cidade”, defendeu.

Uma cópia do documento já havia sido entregue, na quinta, ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), em Brasília.

A construção do acesso da BR-116 no perímetro urbano da Cidade Sol deixou de entrar nas emendas da bancada baiana para o Orçamento da União de 2013 após perder a votação do colegiado por apenas um voto. A reunião aconteceu nesta terça (27/11/2012) e ganhou repercussão pela ausência de um dos deputados da cidade, Roberto Britto (PP). Justamente o voto que faltava.

Sobre Carlos Augusto 9706 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).