Para petista, “elite branca” levou o Brasil a negar a história de Palmares. Confira debates da Câmara

Estátua do líder Zumbi dos Palmares recebe flores na Semana da Consciência Negra.
Estátua do líder Zumbi dos Palmares recebe flores na Semana da Consciência Negra.
Marialvo afirmou que o exército português e a elite que apoiava os portugueses são os responsáveis pelo assassinato de Zumbi e pela morte do quilombo de Palmares. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Marialvo afirmou que o exército português e a elite que apoiava os portugueses são os responsáveis pelo assassinato de Zumbi e pela morte do quilombo de Palmares. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) – Jornal Grande Bahia)

Para petista, “elite branca” levou o Brasil a negar a história de Palmares

A dominação portuguesa e a construção de uma ‘elite branca’ “levou a história do Brasil a negar a história de Palmares, como se fosse apenas um quilombo onde mataram um negro chamado Zumbi”. A afirmação é do vereador Marialvo Barreto.

Na concepção do vereador, a história do Brasil deve muito a Zumbi. “Para alguns estudiosos, Palmares foi o primeiro estado negro independente das Américas, porque viveu 100 anos e derrotou o exército português por 18 expedições”.

Marialvo afirmou que o exército português e a elite que apoiava os portugueses são os responsáveis pelo assassinato de Zumbi e pela morte do quilombo de Palmares.

Origem da data

 O Dia Nacional da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro, foi estabelecido pela Lei nº 10.639, no dia 9 de Janeiro de 2003. Neste dia, lembra Marialvo, no ano de 1695, morreu Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares.

Conforme o petista, Zumbi representou a luta do negro contra a escravidão, no período do Brasil Colonial. Ele morreu em combate, defendendo seu povo e sua comunidade.

Marialvo salientou que os quilombos representavam uma resistência ao sistema escravista e também uma forma coletiva de manutenção da cultura africana no Brasil.

Estátua do líder Zumbi dos Palmares recebe flores na Semana da Consciência Negra.
Estátua do líder Zumbi dos Palmares recebe flores na Semana da Consciência Negra. Dia da Consciência Negra é objeto de discurso por parte dos edis feirenses.

Dia da Consciência Negra: Frei Cal registra trajetória do geógrafo baiano Milton Santos  

No dia dedicado à Consciência Negra, nesta terça-feira (20/11/2012), a trajetória do geógrafo baiano negro Milton Santos foi alvo de um relato do vereador Frei Cal.

O geógrafo negro Milton Santos, que nasceu em Brotas de Macaúbas, no interior da Bahia, mesmo não tendo a oportunidade que deveria ter no Brasil, “contribuiu para esse processo de libertação que a população negra está alcançando”, afirma Frei Cal.

O professor doutor Milton Santos é autor de livros, que surpreenderam o mundo, pela originalidade e audácia. Foi o único brasileiro e receber um “prêmio Nobel”, o Vautrin Lud, que é como um Nobel de Geografia.

Frei Cal também mencionou a história de Zumbi dos Palmares – um dos maiores expoentes na luta contra a escravidão no Brasil – em seu pronunciamento na Câmara.

Segundo o vereador peemedebista, ativista do movimento negro em Feira de Santana, muitas conquistas da população negra foram alcançadas a partir do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O vereador fez a leitura de um texto extraído da internet, intitulado “Zumbi dos Palmares, o maior ícone da resistência negra ao escravismo no Brasil”.

Dia da Consciência Negra: Cotas raciais contribuem para crescimento da classe média negra, afirma vereador 

O movimento de “uma elite brasileira” contra as cotas sociais foi tema de discurso do vereador Marialvo Barreto (foto), nesta terça-feira (20), quando se comemora no Brasil o Dia Nacional da Consciência Negra.

“Ainda hoje há uma elite brasileira que está entremeada nas classes sociais com um discurso racista contra as cotas, por exemplo, que dão condições de igualdade para os negros”, disse o vereador petista, na Casa da Cidadania.

O petista ressaltou que o sistema de cotas raciais está contribuindo para o crescimento de uma classe média negra. “E isso tem desagradado profundamente os racistas”.

Na oportunidade, o vereador conclamou a população a assistir, hoje,  na TV Educativa,  um debate sobre o dia da Consciência Negra, com a participação de  especialistas, inclusive da sua esposa que é doutoranda em História e pesquisadora de autores negros.

Vereador diz que acompanhamento médico poderia ter evitado morte de jovem que pesava 220kg 

O caso do jovem Wellington Cortes Conceição, que, após sofrer uma queda, teve que ser retirado de dentro da sua casa de guincho para ser conduzido a um hospital, onde posteriormente faleceu, causou perplexidade ao vereador Frei Cal.

 Wellington era natural de Amélia Rodrigues, tinha 33 anos de idade e pesava 220 quilos. Ele morreu devido a uma embolia pulmonar, na última quinta-feira (15), no Hospital Roberto Santos, em Salvador. Para Frei Cal, a morte desse paciente poderia ser evitada se a doença dele tivesse um acompanhamento contínuo.

“Infelizmente, essa situação no Brasil é uma vergonha e é muito mais vergonhoso ainda quando existem pessoas inescrupulosas do Executivo ou pessoas ligadas ao Legislativo que exploram a área de saúde para tirar proveito”, observa.

O vereador disse que sente vergonha quando vê, no país, “o descaso que acontece com a vida das pessoas e, acima de tudo, quando a saúde pública é usada como moeda eleitoreira”.

Para o peemedebista, o dinheiro público precisa ser bem usado no Brasil para suprir as necessidades básicas da população, como saúde, educação, cultura e segurança. “O que não podemos é nos deparar com pessoas que ficam roubando o país e, consequentemente,  tirando a vida das pessoas”, pontuou.

Vereador faz apelo dramático por melhorias na BA que dá acesso a distrito de Humildes 

As condições precárias da BA 513, estrada que sai da BR 324 e dá acesso a Humildes, sob jurisdição do Departamento de Infraestrutura de Transportes da Bahia (Derba) voltou a ser alvo de críticas do vereador Zé Curuca, na tribuna da Câmara.

Em seu discurso nesta terça-feira (20), ele apelou ao Governo do Estado que faça, urgentemente, o recapeamento da via, pois, segundo o vereador, o pavimento se encontra totalmente esburacado, sem a mínima condição de tráfego.

“Tem buraco na BA 513 que cabe um carro pequeno dentro. Toma providências Governo do Estado”, cobrou Curuca, que é representante do distrito de Humildes.

Radialista divulga que secretário da Fazenda teria mandado credor do Município, “procurar o Rasta” 

O relato foi feito pelo vereador Roberto Tourinho com base em nota divulgada no ‘Jornal das Duas’, na tarde de sexta-feira (16), pelo âncora Paulo José.

Segundo o radialista, um fornecedor da Prefeitura de Feira de Santana – que preservou o nome – foi até a Secretaria da Fazenda cobrar pagamento de débito e o secretário da Fazenda Wagner Gonçalves o mandou procurar o “Rasta”.

O “Rasta” é o professor Jhonatas Monteiro que nas eleições “venceu” Tarcízio, colocando o atual prefeito na “lanterna da disputa eleitoral”, disse Tourinho.

A nota do radialista, acrescenta Tourinho, diz que o governo Tarcízio Pimenta dá mostras que a situação financeira do Município “está mesmo ruim, para até um dos principais assessores do prefeito tomar uma atitude como essa”.

Tourinho lamentou o fato e disse que “Wagner Gonçalves mostra, acima de tudo, o despreparo para exercer um cargo de tamanha envergadura na cidade de Feira de Santana, que é o cargo de secretário da Fazenda”, afirmou.

Para o vereador, “nós não podemos aceitar que a Prefeitura haja de forma desrespeitosa com o credor”. Tourinho observou que o professor Jhonatas Monteiros não é o responsável pelas finanças do Município. “A Prefeitura deveria pagar o que deve aos fornecedores”, aconselhou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115009 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.