Oficina Cidades Criativas reúne municípios do Baixo Sul em Feira de Santana

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Oficina Cidades Criativas reúne municípios do Baixo Sul em Feira de Santana. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Oficina Cidades Criativas reúne municípios do Baixo Sul em Feira de Santana. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Oficina Cidades Criativas reúne municípios do Baixo Sul em Feira de Santana. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Oficina Cidades Criativas reúne municípios do Baixo Sul em Feira de Santana. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) – Jornal Grande Bahia)

Os prefeitos eleitos e reeleitos da Bahia, que já estão traçando metas para cumprir seus planos de governo, têm mais um tema instigante e desafiador para pensar. Trata-se da Economia Criativa, que gera renda, emprego e desenvolvimento para os municípios. Com o objetivo de apoiar os prefeitos neste novo desafio, o Sebrae promove até o início de janeiro o Ciclo de Oficinas sobre Cidades Criativas, com a consultora Ana Carla Fonseca, autoridade internacional no assunto. Nesta sexta-feira, dia 23, aconteceu em Santo Antônio de Jesus a primeira oficina da Bahia, que reuniu cerca de 150 pessoas, de 23 municípios do Baixo Sul do Estado.

Além de prefeitos, o evento contou com a participação de empresários da região, representantes de instituições bancárias e profissionais do setor cultural de Santo Antônio de Jesus. Segundo o superintendente do Sebrae, Edival Passos, o ciclo de oficinas tem o objetivo de esclarecer aspectos do tema Economia Criativa, considerado novo no mundo. “Idealizamos esta parceria porque entendemos que a interação entre Economia Criativa e cidades criativas gera impacto expressivo no campo econômico dos municípios”, justifica Edival.

Ana Carla Fonseca iniciou sua apresentação fazendo um resgate histórico sobre a criatividade humana, passando pela criação da rolha, que permitiu a comercialização do vinho, pela produção em escala do chocolate e surgimento das máquinas a vapor, até chegar na Revolução Industrial, que, segundo a consultora, não favoreceu o processo criativo, mas sua existência foi necessária para evolução aos dias de hoje.

“Temos que pensar a criatividade como grande ativo da economia e juntar pontos de vista para melhorar o mundo ao nosso redor”, afirmou a consultora Ana Carla Fonseca.

De acordo com a palestrante, a necessidade de criação está no DNA do ser humano. “Por isso, podemos observar a satisfação de uma pessoa ao criar determinado objeto ou ter uma ideia diferenciada”, complementa.

Evento ocorreu ontem (23/11) em Santo Antônio de Jesus. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Evento ocorreu ontem (23/11) em Santo Antônio de Jesus. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) – Jornal Grande Bahia)

Ana Carla reafirma que os brasileiros sempre foram empreendedores, seja por necessidade ou por vocação. “Economia Criativa é agregar valor ao que a gente já tem”, define. De acordo com a consultora, os consumidores modernos valorizam muito mais a qualidade como diferencial de mercado e as empresas já entendem isso. “Para enfrentar a concorrência, as empresas não disputam por preços mais baixos. Elas mostram o diferencial que podem oferecer para o cliente”, diz.

“Temos que valorizar o que é nosso, contextualizar as situações e colocar as pessoas da região como agentes dessas situações”, exemplifica. No setor da gastronomia, a palestrante trouxe um exemplo de valorização do local que se tornou referência mundial. “O famoso chef, Alex Atala, proprietário do ‘D.O.M. Gastronomia Brasileira’, fez curso de gastronomia fora do País e incrementou seu aprendizado com as ervas, temperos e valores da culinária do Brasil. Este é o seu diferencial de mercado”, diz Ana Carla.

Participante da palestra, o promotor de urbanismo de Santo Antônio de Jesus, Julimar Barreto, destacou a dinâmica e a didática da palestrante. “Ela mostrou como podemos resolver os problemas da localidade com criatividade e valorizando a riqueza local”, afirma Julimas. A poucos dias de cumprir seu primeiro mandato, o prefeito eleito da cidade de Nilo Peçanha, Carlos Azevedo, também atestou a produtividade da oficina. “Temos responsabilidade com o desenvolvimento do município e para isso vamos observar nossas características e criar oportunidade”, planeja.

Confira as datas e locais das próximas oficinas 

Vitória da Conquista – 03/12/2012

Ilhéus – 04/12/2012

Porto Seguro – 05/12/2012

Lençóis – 07/12/2012

Juazeiro – 12/12/2012

Feira de Santana – 14/12/2012

Salvador – 15/12/2012

Jacobina – 17/12/2012

Barreiras – janeiro de 2013

Banner do Governo da Bahia: Campanha 'Aqui é trabalho', veiculada nesta sexta-feira (04/11/2021).
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114843 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]