Deputado Luciano Simões alerta sobre onda de violência em Salvador

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Luciano Simões: "Esse é o quadro da Bahia. Hoje o povo faz um apelo para que o governo, através do seu chefe maior, o governador Jaques Wagner, se manifeste perante o Governo Federal, que ele diz ser tão amigo, para que os bares e restaurantes de Salvador e região metropolitana possam funcionar sem que ninguém seja assaltado em plena luz do dia"
Luciano Simões: "Esse é o quadro da Bahia. Hoje o povo faz um apelo para que o governo, através do seu chefe maior, o governador Jaques Wagner, se manifeste perante o Governo Federal, que ele diz ser tão amigo, para que os bares e restaurantes de Salvador e região metropolitana possam funcionar sem que ninguém seja assaltado em plena luz do dia"

O líder do PMDB/DEM na Assembleia Legislativa, deputado Luciano Simões, subiu à tribuna da Casa na tarde de hoje (20/11/2012) para criticar a onda de violência que tomou conta dos municípios baianos, mais especificamente da capital e região metropolitana. O parlamentar observou que os índices na Bahia superam em 11 vezes mais os de São Paulo, conforme dados da própria Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP).

Luciano Simões citou a matéria veiculada hoje pelo jornal Tribuna da Bahia, onde comprova que o Estado de São Paulo deixa menos mortos que Salvador em dias normais. O texto revela que, desde a noite do dia 16 de novembro, ocorreram pelo menos 18 assassinatos e sete pessoas ficaram feridas na capital paulista. Já em Salvador, a SSP registrou 19 homicídios e mais cinco tentativas em apenas três dias.

O deputado também mencionou a notícia de que traficantes do bairro de Pernambués, em Salvador, teriam ordenado um “toque de recolher” nesta segunda-feira (19). Outros fatos noticiados pela imprensa baiana e nacional que tiveram destaque na fala de Simões, foi a rebelião de presos no Conjunto Penal de Juazeiro, no norte da Bahia, iniciada ontem (19), e o sequestro de uma promotora e uma juíza na última quinta-feira (15), no bairro Pituba, em Salvador.

“Esse é o quadro da Bahia. Hoje o povo faz um apelo para que o governo, através do seu chefe maior, o governador Jaques Wagner, se manifeste perante o Governo Federal, que ele diz ser tão amigo, para que os bares e restaurantes de Salvador e região metropolitana possam funcionar sem que ninguém seja assaltado em plena luz do dia”, disse Simões.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113532 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]