Deputado da Bahia quer que população boicote os shows da banda New Hit

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Carlos Geilson: “Será que a Justiça vai dar uma canetada e liberar também os estupradores da promotora, assim como os da banda New Hit? Que exemplo é esse para a nossa sociedade? Pode ser estuprador de classe média, de baixa ou de alta... sendo estuprador, tem que pagar pelo crime que cometeu. O pior que tem gente que defende os integrantes da banda e critica as garotas que foram violentadas”. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)
Carlos Geilson: “Será que a Justiça vai dar uma canetada e liberar também os estupradores da promotora, assim como os da banda New Hit? Que exemplo é esse para a nossa sociedade? Pode ser estuprador de classe média, de baixa ou de alta... sendo estuprador, tem que pagar pelo crime que cometeu. O pior que tem gente que defende os integrantes da banda e critica as garotas que foram violentadas”. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)
Carlos Geilson: “Será que a Justiça vai dar uma canetada e liberar também os estupradores da promotora, assim como os da banda New Hit? Que exemplo é esse para a nossa sociedade? Pode ser estuprador de classe média, de baixa ou de alta... sendo estuprador, tem que pagar pelo crime que cometeu. O pior que tem gente que defende os integrantes da banda e critica as garotas que foram violentadas”. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Carlos Geilson: “Será que a Justiça vai dar uma canetada e liberar também os estupradores da promotora, assim como os da banda New Hit? Que exemplo é esse para a nossa sociedade? Pode ser estuprador de classe média, de baixa ou de alta… sendo estuprador, tem que pagar pelo crime que cometeu. O pior que tem gente que defende os integrantes da banda e critica as garotas que foram violentadas”. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) – Jornal Grande Bahia)

O caso da Banda New Hit ainda rende muitas discussões. O deputado estadual Carlos Geilson (PTN) criticou, na Assembleia Legislativa nesta quarta-feira (21/11/2012), a inversão de valores no caso do estupro das garotas da cidade de Ruy Barbosa. O parlamentar ainda falou sobre a volta dos shows da banda, que inclusive a primeira apresentação está marcada para sua cidade natal, Feira de Santana.

“Será que a Justiça vai dar uma canetada e liberar também os estupradores da promotora, assim como os da banda New Hit? Que exemplo é esse para a nossa sociedade? Pode ser estuprador de classe média, de baixa ou de alta… sendo estuprador, tem que pagar pelo crime que cometeu. O pior que tem gente que defende os integrantes da banda e critica as garotas que foram violentadas”, lamentou Geilson.

O parlamentar ainda apelou para que os pais de adolescentes não permitam que seus filhos compareçam a nenhum show dessa banda. “Eles ainda deveriam estar na cadeia. Tinham que sofrer uma punição mais rigorosa, até para que, eles como jovens pudessem ter mais tempo para entender o crime que cometeram”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113607 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]