Secretário de Agricultura, Eduardo Salles abre, em Guarajuba, o V Seminário de Oportunidades de Negócios Bahia/Portugal

Eduardo Seixas de Salles: “Sabemos que a economia da Europa vive um momento complicado, mas este evento dará a oportunidade para investidores estrangeiros conhecerem o potencial da Bahia”. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Eduardo Seixas de Salles: “Sabemos que a economia da Europa vive um momento complicado, mas este evento dará a oportunidade para investidores estrangeiros conhecerem o potencial da Bahia”. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Eduardo Seixas de Salles: “Sabemos que a economia da Europa vive um momento complicado, mas este evento dará a oportunidade para investidores estrangeiros conhecerem o potencial da Bahia”. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Eduardo Seixas de Salles: “Sabemos que a economia da Europa vive um momento complicado, mas este evento dará a oportunidade para investidores estrangeiros conhecerem o potencial da Bahia”. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)

Representando o governador Jaques Wagner, o secretário de agricultura, engenheiro agrônomo Eduardo Salles, abre oficialmente nesta quinta-feira (18/10/2012), o V Seminário de Oportunidades de Negócios Bahia – Portugal, no Hotel Vila Galé Marés Resort Hotel, em Guarajuba. Com o objetivo de estimular e fortalecer parcerias e negócios entre empresas dos dois países, o evento prossegue até o dia, com previsão de que sejam fechados negócios nas áreas da agroindústria, construção civil, indústria naval e turismo. O embaixador de Portugal, Francisco Ribeiro Teles, participa do seminário.

“Sabemos que a economia da Europa vive um momento complicado, mas este evento dará a oportunidade para investidores estrangeiros conhecerem o potencial da Bahia”, disse Salles, que é fundador e foi por três vezes presidente da Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil, instituição que promove o evento. Durante a programação da tarde, o secretário e o superintendente de Atração de Investimentos da Seagri, Jairo Vaz, participam da conferência sobre cadeias produtivas, quando serão apresentadas as oportunidades de investimentos em queijos, uvas e vinhos na Bahia.

No final da próxima semana, o secretário Eduardo Salles chefia uma missão institucional e empresarial à Portugal, Espanha e França, buscando investimentos, parcerias e cooperação técnica na área de queijos, vinhos e defumados, dentre outras.

Para o presidente da Câmara Portuguesa, Antônio Coradinho, a semelhança e a potencialidade de desenvolvimento dos dois países poderão favorecer a geração de novas parcerias. “Atualmente, os investimentos de empresas portuguesas associadas â câmara chegam a R$ 2 bilhões” afirmou.

Sobre a Câmara Portuguesa 

A Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil – Bahia é uma instituição apoiada pelo Conselho das Câmaras de Comércio Portuguesas e pela Embaixada de Portugal no Brasil. Desde 2003, promove e dá suporte à comunidade empresarial luso-brasileira na atração de investimentos, ampliação de network e na facilitação da busca de novos parceiros comerciais, criando boas oportunidades de negócios. Atualmente, conta com mais de 150 associados, dentre os quais estão os maiores grupos agrícolas, hoteleiros e construtores, que representam mais de 45 mil empregos diretos e indiretos no estado.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9615 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).