Jaques Wagner: "Tudo conta, mas é muito difícil ter uma medida. O povo sabe que há anjos e demônios em todos os partidos e que nenhum deles tem a tutela da moralidade absoluta. Se você me perguntar se o mensalão pesou, é óbvio que pesou. Mas quanto pesou, se isso foi absolutamente definidor do resultado, não sei. Toda vez que alguém tentar fazer um dogma, de que com alguma coisa o cara se acabou, pode estar certo que está furado - afirmou."
Blogs: Colunistas e Artigos

Em entrevista ao Valor, governador Jaques Wagner fala sobre Mensalão, Eduardo Campos, Aécio Neves, eleições municipais, e confessa desejo de disputar presidência da república

O governador da Bahia, Jaques Wagner, concedeu entrevista ao jornal Valor Econômico, onde discorre sobre as temáticas da atualidade: Mensalão, Eduardo Campos, Aécio Neves, eleições municipais, e confessa desejo de disputar a presidência. No momento,