SETUR e SECULT lançam nova edição do guia de Museus de Salvador

SETUR e SECULT lançam nova edição do guia de Museus de Salvador
SETUR e SECULT lançam nova edição do guia de Museus de Salvador
SETUR e SECULT lançam nova edição do guia de Museus de Salvador
SETUR e SECULT lançam nova edição do guia de Museus de Salvador

Para marcar o Dia Mundial do Turismo, que transcorre nesta quinta-feira, dia 27 (setembro, 2012), a Secretaria do Turismo (Setur), a Bahiatursa e a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult), através do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (IPAC), lançam às 17h30, no Palácio da Aclamação, Campo Grande, uma nova edição bilíngue do Guia de Museus do Centro Antigo de Salvador.

O lançamento integra a 6ª Primavera dos Museus, evento que acontece em todo o Brasil sob orientação geral do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) do Ministério da Cultural, e que na Bahia é promovido pela Diretoria de Museus (Dimus) do IPAC. Na ocasião será iniciado o Clico de Palestras que comemora os 100 anos do Aclamação, imóvel tombado como Patrimônio Cultural, que foi residência dos governadores baianos de 1911 a 1967, e que hoje sedia a Dimus/IPAC. O ciclo se inicia com a palestra ‘A expansão urbana da cidade de Salvador’ com a arquiteta e mestre em História Social, Socorro Martinez.

Em formato de folder dobrável, a publicação com fotos e desenhos reúne descrição do perfil e acervo de cada um dos 34 museus da área do centro antigo da capital baiana, com horários de visitação, endereços e telefones. Um mapa que reproduz as principais ruas, avenidas, largos e praças da área central da cidade está na outra face do impresso, indicando a localização de terminais de ônibus, porto marítimo, aeroporto e pontos turísticos como Terreiro de Jesus, Mercado Modelo, Elevador Lacerda, Largo do Pelourinho, Forte São Diogo e Farol da Barra.

TURISMO CULTURAL 

“Um dos principais atrativos de Salvador é o turismo cultural, motivo pelo qual as parcerias entre as secretarias do Turismo e Cultura são imprescindíveis”, diz o diretor geral do IPAC, Frederico Mendonça. Segundo o dirigente estadual a SETUR participa ainda das obras de restauração coordenadas pelo IPAC no centro histórico, área chancelada pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade.

“Através de repasses da SETUR investimos mais de R$ 20 milhões na restauração de importantes monumentos considerados pelo Ministério do Turismo como ‘âncoras turísticas’ no centro de Salvador”, relata Mendonça. Foram restauradas as igrejas do Rosário dos Pretos, do Boqueirão e do Pilar, além do palácio Rio Branco e Casa das Sete Mortes.

Os recursos vieram do Tesouro Estadual e do programa federal Prodetur, com financiamento do Banco Interamericano e do Banco do Nordeste. O IPAC também produziu folderssobre cada uma dessas obras, promovendo durante seis meses um Projeto de Visitas Guiadas a esses monumentos originários dos séculos XVII, XVIII e XIX.

TEMPORADA DE VERÃO 

O Guia de Museus do IPAC/SETUR antecipa as ações para a temporada de verão 2012/2013. Dados da SETUR com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE) mostra que Salvador atrai 28,8% de turistas do total de 100% do Estado, o que equivale a cerca de dois milhões de pessoas do Brasil e do mundo. O fluxo turístico doméstico com destino a Bahia, em sua maior parte, durante o verão, quando a cidade oferece diversas atividades culturais aos seus visitantes.

“Em 2008, via parceria com agências de viagem lançamos um primeiro folder de museus que foi distribuído ao público baiano e a turistas, principalmente, aos que chegavam pelas dezenas de navios que aportaram no Comércio tendo o centro histórico como o primeiro ponto de visita”, relata o diretor do IPAC. A estratégia reforçou a campanha pela frequência nos museus estaduais aumentando em cerca de 400% a visitação anual, considerando-se outras campanhas como a Semana Nacional de Museus que acontece todo mês de maio.

Quem tiver interesse em obter mais detalhes sobre os museus no Guia do IPAC/SETUR pode utilizar o QR Code, código de barras em 2D (duas dimensões) que pode ser escaneado por aparelhos celulares que tenham câmera fotográfica. A tecnologia está inserida no Guia, através de um selo, onde o leitor poderá acessar o site do IPAC – www.ipac.ba.gov.br – viatablet ou celular que disponha de software de leitura para este código. Mais informações através dos sites www.ipac.ba.gov.brdimusbahia.wordpress.com ou pelo telefone: (71) 3117-6445.

Sobre Carlos Augusto 9399 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).