Monge budista fala sobre Fukushima na UFBA, evento ocorre em Salvador

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Fukushima.
Fukushima.

Convidamos para a palestra de Ademar Kyotoshi Sato, Monge do Templo Shin Budista Terra Pura de Brasília, sobre o tema “O Efeito Fukushima e o Perigo Nuclear no Brasil” que será realizada no dia 1º de setembro de 2012 (segunda-feira próxima) às 18 hs, no auditório do Instituto de Ciências da Saúde (ICS) da UFBA. No evento, promovido pela Rede Brasileira de Justiça Ambiental, Movimento Paulo Jackson – Ética, Justiça, Cidadania e a disciplina Ambiente e Saúde Coletiva do ISC, o Monge Sato falará sobre o pós-Fukushima na política nuclear planetária.

Ademar Sato, que se tornou monge em 1998, após concluir estágio nos Mosteiros de São Paulo e Kyoto (Japão), comentará impressionantes fotos da tragédia, apresentadas pelo fotógrafo japonês Sakamoto na Cúpula dos Povos/Rio+20. São imagens que expressam o terror, a angústia e a desesperança que pode provocar o vazamento radioativo de usinas atômicas, cujo efeito é amplo, interdependente e põe em risco a vida na Terra.

Por sua origem nipônica, Monge Sato talvez seja o brasileiro que melhor pode fazer uma conexão entre as tragédias vivenciadas pelo desenvolvimento da tecnologia nuclear no Japão e a ameaça que representa no Brasil, o uso dessa mesma tecnologia para gerar energia elétrica. Ele esteve duas vezes em Fukushima –terra natal de sua mãe, onde ainda tem familiares. Ali, soube que foi um irmão da sua mãe quem iniciou as negociações para a instalação da usina nuclear, quando era governador no final dos anos 50.

Depois de conhecer e sentir o horror dos prejuízos sócio ambientais causados pela contaminação provocada pelo derretimento dos reatores atômicos, o Monge abraçou a luta antinuclear no Brasil e no mundo. Da Bahia, vai a São Paulo, para atividade do movimento antinuclear brasileiro, seguindo, mais uma vez, ao Japão onde participará de seminários inter-religiosos sobre Paz, Religião e a questão nuclear. Fará ainda palestras nos templos budistas de Hokkaido, que tem recebido os refugiados de Fukushima.

Acompanhando bem de perto o drama das vítimas do pior acidente nuclear japonês, o Monge está dedicado a uma missão:  “Vou arriscar a insolência de lembrar aos japoneses que eles não podem fugir à responsabilidade de assumir o papel crítico do atual modelo de desenvolvimento mundial, não só por ser o único povo que sentiu os horrores da explosão nuclear provocada propositalmente pela ignorância humana, em Hiroshima e Nagasaki, mas também porque, apesar disso, foram obrigados a construir um grande número de usinas nucleares que podem vazar radiação letal a qualquer momento” , afirma.

Serviço:

Palestra do Monge Sato, do Templo Shin Budista Terra Pura de Brasília, sobre o tema “O Efeito Fukushima e o Perigo Nuclear no Brasil”

Data: 1º de outubro (segunda-feira), às 18h.

Local: Instituto de Ciências da Saúde (ICS) da UFBA

Rua Basílio da Gama, s/n, Campus Universitário do Canela, Salvador-Ba (atrás do Hospital das Clínicas)

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112929 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]