Eleições 2012 – Candeias: Rádio do vice de Tonha Magalhães está na mira da Justiça

Candidata a prefeita em Candeias, Tonha Magalhães. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)
Candidata a prefeita em Candeias, Tonha Magalhães. (Foto: Carlos Augusto | Jornal Grande Bahia)

A juíza eleitoral da 127ª zona de Candeias, Jaciara Borges Ramos, concedeu uma liminar, determinando que a Rádio Baiana Fm conserve as gravações dos programas de propaganda eleitoral gratuita para que os materiais sejam submetidos à perícia judicial.

A decisão foi deferida, após o departamento jurídico da coligação “Candeias tem Jeito” do candidato Carlos Martins (PT), ajuizar uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) pelo uso indevido da rádio, de propriedade de Carlos Alberto de Oliveira, candidato a vice na chapa de Tonha Magalhães (PR). Na ação foi pedida a cassação de Tonha e Carlos Alberto sob argumento de “evidente abuso de poder econômico e dos meios de comunicação”.

Segundo a AIJE, a rádio “vem servindo de instrumento à prática de atividades de politicagem ostentosamente abusiva e deletéria”, com propaganda subliminar favorável à candidata do PR e veiculação, de forma deturpada, de inserções contra as outras candidaturas. Um dos exemplos de favorecimento ocorreu em 01/09. Na data, foram veiculadas, indevidamente, 18 inserções a mais da candidata do PR durante a programação da emissora, enquanto, as inserções do horário eleitoral dos outros candidatos estão sendo suprimidas.

Sobre Carlos Augusto 9460 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).