Prêmio MPE Brasil oferece consultoria gratuita para empreendedor

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Logomarca do Jornal Grande Bahia
Logomarca do Jornal Grande Bahia

Os interessados em participar da edição de 2012 do Prêmio MPE Brasil, que promove o empreendedorismo e a competitividade das micro e pequenas empresas, têm até sexta-feira (31/08/2012) para se inscreverem.  O processo é gratuito e pode ser feito pela internet no endereço www.premiompe.sebrae.com.br ou nos pontos de atendimento do Sebrae em todo o país. O Prêmio MPE Brasil – Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas é realizado pelo Sebrae Nacional, Movimento Brasil Competitivo (MBC), Gerdau e Fundação Nacional da Qualidade (FNQ). A Bahia tem um histórico positivo no Prêmio MPE Brasil. Na última edição, duas empresas venceram em categorias distintas: destaque em inovação e turismo. Outro empreendimento baiano, nesta mesma edição, ainda conquistou o segundo lugar na categoria serviços. Ao participar do MPE Brasil o empresário recebe uma consultoria gratuita, com um diagnóstico, mostrando onde ele deve melhorar sua gestão.

A grande novidade para este ano é a possibilidade de participação de Empreendedores Individuais. Eles poderão se inscrever e receber as consultorias de aprimoramento de gestão e os diagnósticos que evidenciam pontos fortes e fracos do empreendimento. “É uma oportunidade para que esses empreendedores possam direcionar suas ações baseadas em boas práticas de gestão e aumentar a competitividade do negócio”, explica a gestora do Prêmio na Bahia, Mariza Xavier. As empresas baianas contempladas em 2011 foram a Lacerta Consultoria Ambiental, de Salvador, na categoria inovação, o Hotel Lencóis, na categoria turismo, e a Durval Seguros, de Jacobina, que conquistou o segundo lugar na categoria serviços, estando entre as cinco melhores no Brasil dentro dos critérios do prêmio.

Se depender do bom histórico, a Bahia mostra que é referência em termos de qualidade. Em 2009, a Escola Kennedy, de Eunápolis, sul do Estado, foi premiada na etapa nacional do MPE Brasil, na categoria educação. Na ocasião, os benefícios foram destacados pela empresária Gilsan Pessoa, que revelou um crescimento de 30% no empreendimento em apenas dois anos. “Através dessa premiação pudemos ampliar ainda mais nossa visão empreendedora e percebemos que estamos no caminho certo em relação à qualidade e sustentabilidade”, afirma Gilsan.

O Prêmio MPE Brasil contempla oito categorias: indústria, comércio, serviços, saúde, educação, agronegócio, turismo e tecnologia da informação. Outros dois troféus são entregues aos destaques em responsabilidade social e inovação. A iniciativa é do Sebrae em parceria com a Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), o Movimento Brasil Competitivo (MBC) e a Gerdau. O objetivo é reconhecer o empenho de micro e pequenas empresas na gestão de qualidade, com resultados consistentes, como o aumento da produtividade e da competitividade.

O processo de avaliação e seleção das empresas será realizado entre os meses de setembro e outubro, quando serão definidos os finalistas da etapa estadual. No início de dezembro, serão anunciados os vencedores da Bahia, que participarão da fase nacional, prevista para acontecer em março de 2013.

Sobre Carlos Augusto 9611 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).