Mais de 700 carros são roubados ou frutados em Salvador e RMS

Deputado Carlos Geilson cobra ações eficientes no combate a criminalidade. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Deputado Carlos Geilson cobra ações eficientes no combate a criminalidade. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Deputado Carlos Geilson cobra ações eficientes no combate a criminalidade.  (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)
Deputado Carlos Geilson cobra ações eficientes no combate a criminalidade. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)

O número de carros roubados e furtados em Salvador e Região Metropolitana chegou a 716 no mês de junho, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia. O deputado estadual Carlos Geilson (PTN), em pronunciamento na Assembleia Legislativa nesta quinta-feira (02/08/2012), criticou o governo da Bahia pela falta de ação concreta para combater esse crime no estado. Os dados de julho ainda não foram divulgados pela SSP.

“São 25 carros roubados ou furtados por dia em Salvador e Região Metropolitana. É óbvio que há uma quadrilha especializada nesta prática, e nós não vemos nenhuma política pública do governo para combater este tipo de crime. E enquanto isso, os dados da criminalidade estão crescendo assustadoramente”, afirmou o parlamentar.

O deputado ainda lembrou que esse problema não é particular de Salvador, mas de toda Bahia. “Minha querida Feira de Santana, segunda maior cidade do estado, também vem passando por esse mesmo problema”, criticou. Para o parlamentar é necessário que se faça uma análise e detecte onde está a falha, pois se o governo tem intensificado o combate a este tipo de crime, com tem afirmado, não é esperado que ele aumente.

Sobre Carlos Augusto 9512 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).