Jovens rurais discutem inclusão social e econômica em seminário no município de Cruz das Almas

Logomarca do Jornal Grande Bahia
Logomarca do Jornal Grande Bahia

Quais relações podem ser feitas entre o conceito de sustentabilidade e o jovem morador da zona rural? Uma das questões a ser considerada é a inclusão social e econômica desse jovem, como suporte para a continuidade e fortalecimento da agricultura familiar e do desenvolvimento de sua comunidade. Nesse contexto, a Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA) discute sobre geração de emprego e renda, acesso à cultura, educação, esporte e lazer para este público, durante o ‘Seminário de Políticas para a Juventude Rural’, que acontece nesta terça-feira (21/08/2012), a partir das 8h, na Comunidade do Cadete, município de Cruz das Almas.

Dirigido a jovens entre 16 e 29 anos, de diversas organizações rurais, o encontro começará com a apresentação de um grupo artístico da região e um café da manhã. Logo após acontecem os painéis, com temas propostos para os grupos de trabalho, seguido por palestras que precederão a uma plenária, agendada para as 9h30.

No turno da tarde, em continuidade ao evento, acontece uma mesa redonda com o tema “Políticas de sustentabilidade para o jovem rural”, com a participação do chefe do Departamento de Desenvolvimento da Agricultura (DDA) da EBDA, Samuel Feldman, da representante de Projetos de Crédito do Banco do Nordeste, Josenita Alcântara, e do técnico em Desenvolvimento Rural da EBDA, Nilton Caldas. Em seguida, os participantes elaborarão uma proposta de trabalho.

A técnica em Desenvolvimento Rural da EBDA, Nágila Leite, que fará a palestra “A Importância da Juventude Rural para a Construção de uma Sociedade Sustentável”, em conjunto com a técnica Cleunilda Silva, explicou que estes jovens procuram, cada vez mais, visibilidade e reconhecimento de sua cultura, da mesma forma que a juventude do meio urbano.

O momento vivenciado, aliado a oportunidades para a juventude, tem acentuado a preocupação dos gestores públicos, organizações de agricultores familiares e movimentos sociais para a realização de ações que auxiliem na criação de políticas públicas em prol do desenvolvimento da juventude rural. “Os jovens rurais buscam a organização política, assumem sua identidade e tornam-se cada vez mais importantes no cenário nacional”, afirmou Nágila Leite, que também é economista doméstica.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111097 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]