Estudo indica que 47,5% dos eleitores soteropolitanos se sentem envergonhados pelo trabalho desenvolvidos pelos políticos

Estudo indica que 47,5% dos eleitores soteropolitanos se sentem envergonhados pelo trabalho desenvolvidos pelos políticos. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)

Estudo indica que 47,5% dos eleitores soteropolitanos se sentem envergonhados pelo trabalho desenvolvidos pelos políticos. (Foto: Carlos Augusto (Guto Jads) - Jornal Grande Bahia)

O levantamento realizado pela POTENCIAL Pesquisas com 800 eleitores de Salvador revela um alto índice de descrédito da população em relação à classe política. Entre os entrevistados, cerca de 47,5% afirmaram que o trabalho desenvolvido por políticos na Bahia é motivo de vergonha, enquanto 21,9% do eleitorado revela não se sentir representado por nenhum político do estado. A atuação de poucos políticos faz com que apenas 9% do público entrevistado se sinta representado.

A legenda partidária não exerce grande influência na intenção de voto dos eleitores. Para 33,5% dos entrevistados, o partido do candidato exerce pouca ou nenhuma influência partidária no momento do voto. Cerca de 28,5% dos eleitores afirmam haver uma influência razoável, enquanto para 27% existe muita ou total influência dos partidos na escolha do candidato. “A aproximação das eleições, mesmo para aqueles que dizem sem vontade de participar, estimula e favorece a reflexão do eleitor. Comparando estes índices com o estudo que a POTENCIAL realizou em maio, a influência do partido no voto cresceu em 10 pontos percentuais”, analisa José Carlos Martins Leite, diretor da POTENCIAL.

A POTENCIAL Pesquisas é especializada na coordenação e realização de projetos de pesquisas de opinião e mercadológica. A empresa é filiada ao CONRE – Conselho Regional de Estatística e a ABMP – Associação Baiana do Mercado Publicitário. A iniciativa do estudo sobre eleições faz parte de um programa institucional contínuo que a POTENCIAL realiza, investigando opiniões e comportamentos dos soteropolitanos sobre temas relevantes para a cidade, gerando informações de domínio público.

Confira a pesquisa

Resultados da pesquisa para as eleições em Salvador – Agosto 2012

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518), Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia (SINJORBA), Associação Brasileira de Imprensa (ABI Nacional, Matrícula nº E-002907) e Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).