Argentina usa decisão do MERCOSUL para regularizar 1 milhão de migrantes

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Logomarca do Jornal Grande Bahia
Logomarca do Jornal Grande Bahia

Acordo, de 2002, sobre visto de residência nos países membros do bloco, abriu caminho para que nações associados legalizassem e integrassem migrantes.

A Organização Internacional para Migrações, OIM, informou que a Argentina conseguiu regularizar a situação de mais de 1 milhão de migrantes no país com base num recurso do Mercosul.

Em comunicado, divulgado nesta sexta-feira, nos Cadernos Migratórios da agência, a OIM ressaltou que a medida foi viabilizada por um tratado de 2002.

Língua Espanhola

O documento, sobre direito à residência para cidadãos do MERCOSUL, teria aberto o caminho para que países associados e membros regularizassem e integrassem seus migrantes.

Em 2004, a Argentina iniciou o programa de legalização de migrantes que viviam no país.

A iniciativa, batizada de Pátria Grande, já concedeu residência a cerca de 1,1 milhão de estrangeiros. Deste total, 90% são cidadãos do Mercosul.

Desemprego

A OIM participou da ação com apoio logístico no processo de inscrições.

A agência informou ainda que a medida tem um efeito positivo sobre a queda do desemprego. Em 2003, quando a Argentina regularizou mais de 400 mil migrantes, o desemprego no país era de pouco mais de 16%. Três anos depois, o índice era de 6%.

Atualmente, mais de 1,8 milhão de migrantes vivem na Argentina. A maioria é do Paraguai, da Bolívia, do Chile e do Peru.

*Com informações da Rádio ONU | Por: Mônica Villela Grayley

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113514 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]