A segunda etapa do programa habitacional Minha Casa, Minha Vida em Feira de Santana vai focar como alvo principal a sustentabilidade

Logomarca do Jornal Grande Bahia
Logomarca do Jornal Grande Bahia

A segunda etapa do programa habitacional Minha Casa, Minha Vida vai focar como alvo principal a sustentabilidade. Aspectos como moradia e necessidades sociais em torno dos empreendimentos serão observados nos residenciais de todo o país.

A questão foi levantada por representantes da Caixa e Ministério das Cidades na manhã desta terça-feira (21/08/2012), durante o I Seminário Caixa “Programa Minha Casa Minha Vida”, realizado no auditório do hotel Acalanto.

Em Feira de Santana, como afirma o secretário municipal de Habitação e Regularização Fundiária, Gilberto Ruy Souza, essa questão tem sido trabalhada desde que foi criado o Grupo de Análise de Empreendimento. “Nenhum empreendimento do município será aprovado sem que possa contemplar as famílias com o mínimo possível de saúde, educação, transporte e lazer”, declara.

Na oportunidade também foi abordada a necessidade de evitar a construção de empreendimentos muito distantes do grande centro. Na primeira etapa do programa, por outro lado, o alvo principal era a questão socioeconômica por conta das dificuldades financeiras, como detalha o secretário.

O evento contou com a participação de aproximadamente 20 municípios, a exemplo de Alagoinhas, Campo Formoso, Casa Nova, Irecê e Itaberaba. Feira de Santana já foi contemplada com mais de 7 mil unidades do programa na primeira etapa, e está com mais oito contratos em avaliação para a segunda etapa.

Fieb apresenta novos investimentos

A direção da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb) vai se reunir com empresários e lideranças na tarde desta terça-feira (21/08/2012) para ouvir suas reivindicações referentes à situação do pólo industrial de Feira de Santana. O encontro vai acontecer às 16h, no Spazzio Tutti.

Segundo o presidente da Fieb, José de Freitas Mascarenhas, as problemáticas levantadas serão catalogadas e priorizadas para que a Federação das Indústrias formule estratégias que solucionem as conjunturas.

“O principal problema de Feira é essa questão do CIS (Centro Industrial do Subaé). É preciso preparar os terrenos para as empresas, pois o futuro do crescimento industrial depende fundamentalmente de localização industrial. Mas temos novos investimentos aqui na área e vamos anunciá-los nesta tarde”, disse o presidente.

Mascarenhas acrescenta que Feira de Santana é uma base importantíssima da indústria do interior. “Estamos aqui para ajudar a cidade a fazer um relacionamento de parceria no sentido de ampliar os negócios. Isso é um problema dos empresários e passa a ser um problema nosso”, ressalta.

O presidente falou sobre o assunto em visita ao Museu Parque do Saber Dival da Silva Pitombo, acompanhado do chefe de gabinete Milton Britto. Ele também esteve acompanhado do diretor do CIEB (Centro de Instrução Especializada de Bombeiros); diretor executivo do Sistema FIEB, Alexandre Peduschi; diretor regional de Senai, Leone Peter Andrade; superintendente do Sesi de Barra, José Wagner Fernandes; e superintendente do IEL, Armando Costa Neto.

Ainda nesta tarde o presidente da FIEB vai lançar o Programa de Interiorização da entidade, e às 15h, no mesmo local, ele vai dar coletiva à imprensa para abordar detalhes do programa.

Semana da Pessoa com Deficiência

Mostrar as potencialidades de pessoas portadoras de deficiência intelectual ou múltipla. Esta é a proposta da Semana da Pessoa com Deficiência, que teve início nesta terça-feira (21/08/2012) com uma caminhada promovida pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) na avenida Getúlio Vargas.

Agentes da Superintendência Municipal de Trânsito (SMT) e Polícia Militar estiveram presentes garantindo a segurança dos participantes e a fluidez do trânsito.

Durante a ação, que mobilizou pais, alunos e professores da instituição, a sociedade foi convocada a conhecer os trabalhos desenvolvidos em prol do desenvolvimento e inclusão social dos portadores de necessidades especiais e também a colaborarem com a instituição.

Na oportunidade foram apresentadas reivindicações dos direitos do cidadão excepcional. A caminhada, que teve início da sede da APAE, localizada no bairro Tanque da Nação, foi encerrada no Espaço de Cultura Arte e Lazer Marcus Moraes. No espaço os participantes conferiram palestras interativas.

Segundo a professora da Associação, Narriman Reis Brito, o evento é uma excelente oportunidade para apresentação dos trabalhos realizados pelos alunos. “Temos que mostrar o nosso trabalho e de que forma ele é feito. Este movimento também nos proporciona a chance de mostrar as potencialidades de nossos alunos e também de chamar a atenção da comunidade para a importância de ser parceira deste projeto”, ressalta.

As atividades da Semana da Pessoa com Deficiência seguem nesta quarta-feira (22/08/2012), a partir das 8 horas, com atividades lúdicas no SESC, instalado no bairro Tomba. O encerramento da Semana será no dia 29 de agosto no Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), com seminário e apresentação de atividades realizadas pela APAE este ano.

Alimentação saudável no Restaurante Popular

Comerciantes, feirantes e consumidores que optam por almoçar no Centro de Abastecimento de Feira de Santana tem uma excelente opção para alimentação que alia economia, sabor e saúde. O Restaurante Popular, que funciona de segunda a sexta-feira, das 11 às 14 horas, está, mais uma vez, com cardápio variado e balanceado para esta semana.

Após ter sido servido ensopado de frango, pirão, frigideira de carne, arroz, feijão fradinho, suco de acerola e doce nego bom na segunda-feira, o equipamento oferece aos seus clientes nesta terça-feira (21/08/2012) guisado de carne acompanhando farofa, frango com salsicha, arroz e feijão. Quem almoçar no Restaurante vai saborear, ainda, suco de manga e pudim de chocolate de sobremesa.

Já nesta quarta-feira (22/08/2012), será servido salada de legumes com frango assado, feijão e arroz. Os consumidores terão passarinha a vinagrete como opção e suco de umbu e mamão. O cardápio de quinta-feira (23/08/2012) será composto por espaguete ao alho e óleo, jardneira de carne como prato principal e moqueca de ovos como opção. Para acompanhar, arroz e feijão, doce pé de moleque e suco de goiaba.

A tradicional feijoada compõe o cardápio de sexta-feira (24/08/2012) acompanhada de arroz e feijão. Para manter a refeição balanceada, os consumidores vão degustar salada de repolho e couve. Como opção, será servido jardineira de frango. O suco é de caju e será disponibilizada laranja na sobremesa.

O cardápio do Restaurante Popular do Centro de Abastecimento atende às normas do Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT) e é preparado por nutricionistas. Diariamente são fornecidas cerca de 1.200 refeições, por apenas R$ 1,00. A refeição pode ser tranquilamente consumida por pessoas hipertensas ou diabéticas.

Bolsa Família com sistema inoperante

O atendimento ao público na sede do programa Bolsa Família está suspenso desde a última segunda-feira (20/08/2012) por conta de falhas no sistema Cadastro Único, da Caixa Econômica Federal.

Conforme a coordenadora do programa, Vitória Régia Leal, a situação já foi comunicada através de contato com a central responsável. Os problemas no sistema ainda persistem nesta terça-feira (21/08/2012), sem previsão de ser regularizada.

“Este é um problema que compromete o trabalho de nossa equipe e gera insatisfação na população. Pedimos a compreensão dos beneficiários e daqueles que pleiteiam o Bolsa Família, para que não busquem nossos serviços durante esta semana, porque infelizmente o sistema não tem atendido às expectativas”, salienta.

Ainda de acordo com Vitória Régia, na segunda-feira (20/08/2012) o sistema ficou inoperante durante todo o dia, quadro que se repete nesta terça-feira (21/08/2012). “É nosso desejo atender diariamente todas as pessoas que se dirigem até a sede do Bolsa Família. Nossa equipe está preparada para isso. Mas, com o sistema totalmente indisponível torna-se impossível fazer qualquer tipo de atendimento”, esclarece.

Quando o sistema voltar a funcionar a contento, ressalta a coordenadora, a população será avisada através dos meios de comunicação. “Assim que a situação estiver normalizada, vamos informar por meio da imprensa. Nossa preocupação é com o bem estar dos cidadãos, por isso, estamos comunicando o problema para evitar que os beneficiários se desloquem até a sede do programa e retornem pra casa sem terem suas demandas atendidas”, pontua.

Homenagem e reconhecimento à Maçonaria

Liberdade, igualdade e fraternidade. Instituição que propaga e difunda estes ideais, a Maçonaria recebeu uma homenagem à altura da sua história em Feira de Santana, que já dura mais de um século.

Na noite de segunda-feira (20/08/2012) foi inaugurado o Monumento à Maçonaria, situado na Avenida Getulio Vargas. O local traz em destaque uma réplica de um templo maçom, além de um espaço de convivência arborizado e com bancos para a comunidade.

Presidente da Assembléia Legislativa dos Maçons, o secretário municipal de Serviços Públicos, Alexandre Monteiro, destacou a importância da valorização da instituição no Município. “A maçonaria tem mais de 150 anos de implantação em Feira de Santana e nunca houve uma valorização. O monumento é a concretização de um desejo antigo do povo maçom, além de ser um espaço de convivência para a população”, ressaltou.

Para Alexandre Monteiro, a escolha do local para a construção também demonstra o respeito da Prefeitura de Feira de Santana para com a maçonaria. “A avenida Getulio Vargas é a espinha dorsal da cidade, uma das mais importantes avenidas. Um monumento como este não poderia ficar escondido, a maçonaria merecia um local de destaque”, salientou.

O grão mestre da loja maçônica Grande Oriente da Bahia, Gilberto Lima da Silva, agradeceu o reconhecimento da história da instituição. “O monumento representa o reconhecimento da sociedade através do Poder Público para o trabalho que é desenvolvido pela maçonaria desde 1822 quando foi implantada no Brasil”, pontuou.

Abner Deiró Filho, venerável mestre da Loja Maçônica Segredo, Força e Aliança avalia a importância da homenagem. “Esta é uma obra de arte de grande valor não apenas para os maçons feirenses como também para a sociedade que agora tem a chance de conhecer melhor os lemas difundidos pela maçonaria”, destaca.

O secretário municipal de Relações Interinstitucionais, Nivaldo Vieira, lembrou a necessidade de dar destaque à instituição maçônica. “Feira de Santana ganha mais um monumento, desta vez em homenagem a uma instituição secular que é a maçonaria. Com certeza a comunidade maçônica se sente honrada com este presente”, afirma.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110926 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]