Produtores do Oeste doam milho, soja e caroço de algodão para pequenos pecuaristas afetados pela seca

O “SOS Seca” é uma iniciativa do governo do Estado, coordenada pelo Comitê da Seca, visando a doação de alimentos à população atingida pela seca. | Fonte Eduardo Lena
O “SOS Seca” é uma iniciativa do governo do Estado, coordenada pelo Comitê da Seca, visando a doação de alimentos à população atingida pela seca. | Fonte Eduardo Lena

Os produtores do Oeste da Bahia estão mobilizados na campanha “SOS Seca”, levantando doações de milho, caroço de algodão e farelo de soja para ajudar os pequenos pecuaristas dos mais de 250 municípios baianos castigados pela longa estiagem. O “SOS Seca” é uma iniciativa do governo do Estado, coordenada pelo Comitê da Seca, visando a doação de alimentos à população atingida pela seca. A Secretaria da Agricultura (SEAGRI) também participa dessa ação, com o objetivo de sensibilizar os grandes produtores para a doação de matéria prima para a alimentação animal e preservar os rebanhos bovinos, de caprinos e ovinos, ameaçados pela seca.

A mobilização na região Oeste conta com a participação de diversas associações de produtores, como a AIBA e ABAPA, e empresas privadas, a exemplo da Agrovale, Bunge, Sementes Passo Ita e AGROSUL, dentre outras, além de diversos produtores individuais. O vice-presidente da Associação de Irrigantes e Agricultores da Bahia, Sérgio Pitt, disse que “este é o momento de mostrarmos nossa solidariedade aos colegas pecuaristas”. Ele informou que a meta é alcançar a marca de mil toneladas de milho.

No final da tarde de sexta-feira (06/07/2012), ao chegar a Barreiras, para participar da exposição agropecuária da cidade (30ª Expo Barreiras), o secretário estadual da Agricultura, engenheiro agrônomo Eduardo Salles, acompanhado por Pitt, pelo secretário de Agricultura do município, Celito Breda, pelo superintendente de Desenvolvimento da Agropecuária da SEAGRI (SDA), Raimundo Sampaio, pelo diretor geral da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB), Paulo Emílio Torres, e Júlio Busato, dentre diversos produtores, visitou as instalações da Padim Cereais, onde 350 toneladas de milho já estão ensacadas e prontas para a distribuição. De acordo com Pitt, “estamos finalizando os acertos para o transporte do grão para diversas regiões do Estado”.

Além do milho, os produtores do Oeste vão doar também bagaço hidrolisado e melaço de cana, feno, e toneladas de farelo de soja, e de caroços de algodão, que serão transformados em farelo, além do frete para as cargas. “Estamos felizes em poder ajudar os pequenos pecuaristas dos municípios que sofrem com a seca”, disse Márcio Marques, proprietário da Padim Cereais.

O secretário Eduardo Salles destacou a importância da campanha, destinada a ajudar os pequenos pecuaristas dos municípios que decretaram estado de emergência a preservar as matrizes leiteiras de qualidade e os rebanhos de ovinos e caprinos, que estão nas regiões mais castigadas.

Salles agradeceu ao empresário e aos funcionários da Padim Cereais, que também dedicam parte do tempo para ensacar os produtos que serão utilizados como ração animal. Ele explicou que a campanha soma-se às ações emergenciais e estruturantes que o governo do Estado vem realizando para amenizar os efeitos da estiagem. Salles citou ainda o apoio da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB), que está viabilizando a venda balcão de milho, com preço subsidiado, e realizando a compra, com doação simultânea, de caprinos e ovinos.

O secretário informou ainda que a SEAGRI enviou ofícios às diversas entidades de pecuaristas da Bahia solicitando doações, e explicou que quem desejar em participar poderá obter mais informações através do site www.seagri.ba.gov.br. Os empresários que estão sendo solidários neste momento receberão da SEAGRI uma placa de reconhecimento da responsabilidade social.

Homenagem

Um mês depois de ter sido homenageado pelos agricultores do Oeste, durante a Bahia Farm Show, no município de Luis Eduardo Magalhães, o secretário Eduardo Salles foi alvo de novas homenagens, desta vez por parte dos pecuaristas da região. O presidente da Associação dos Criadores do Oeste (ACRIOESTE), e organizador da 30ª Expo Barreiras, Ricardo Barata, e o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Barreiras, Antonio Balbino Neto, também diretor da FAEB, entregaram a Salles uma placa, registrando “o reconhecimento e homenagem pelos serviços relevantes prestados à agropecuária baiana.

A 30ª Expo Barreiras, realizada num espaço de mais de 230 mil metros quadrados, no Parque Engenheiro Geraldo Rocha, foi encerrada neste domingo (08/07/2012), contabilizando a visita de mais de 200 mil pessoas, desde a abertura da feira agropecuária, no dia 1º.

Ricardo Barata disse que entre os leilões realizados e as vendas diretas realizadas pelos criadores, o evento deve fechar com resultados de negócios de mais de R$ 10 milhões.

Além de centenas de caprinos e ovinos, o evento contou com a exposição de 1.200 bovinos e 200 eqüinos, além de coelhos, cães, hamsters, porcos da índia e peixes. A Expo Barreiras teve a participação de 170 expositores, e gerou cerca de 500 empregos diretos e mais de dois mil indiretos.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109810 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.