Mais de 744 mil estudantes estão com aulas na rede estadual de educação da Bahia. Confira entrevista do governador sobre a greve

Jaques Wagner, Governador da Bahia se reune com o Ministério Público para tratar da greve dos professores.
Jaques Wagner, Governador da Bahia se reune com o Ministério Público para tratar da greve dos professores.
Jaques Wagner, Governador da Bahia se reune com o Ministério Público para tratar da greve dos professores.
Jaques Wagner, Governador da Bahia se reune com o Ministério Público para tratar da greve dos professores.

Em toda a Bahia, mais de 744 mil estudantes da rede estadual de ensino já estão tendo aulas normais, de um total de 1,1 milhão de alunos. O movimento de volta às aulas já garante a normalidade em 382 municípios. Os dados da Secretaria da Educação apontam, ainda, o constante aumento no retorno às aulas em todo o estado.

Nesta quarta-feira (11/07/2012), 1.108 unidades estão em funcionamento, das 1.411 que compõem a rede estadual, o que representa quase 80% das escolas estaduais. Os números também confirmam a concentração da paralisação dos professores em Salvador e Feira de Santana. Dos cerca de 356 mil alunos ainda sem aulas, aproximadamente 250 mil estão localizados nestas duas cidades. Das 303 escolas paralisadas, 237 estão localizadas nos municípios de Salvador e Feira de Santana.

Todas as escolas que estão retornando já estão organizando seus calendários de reposição de aulas, que são aprovados pelos colegiados escolares das unidades, e supervisionados pela Secretaria da Educação. Para aquelas unidades que ainda não realizaram reposição, a orientação é que priorizem a utilização dos sábados e, naquelas que forem preciso, utilizar o mês de janeiro de 2013.

Governo e APLB se reúnem, nesta quinta-feira, no Ministério Público 

O processo de negociação que pode levar ao fim da greve dos professores da rede pública estadual de ensino terá uma nova reunião, nesta quinta-feira (12), às 14h, no Ministério Público Estadual. Com intermediação do procurador geral de Justiça, Wellington Lima e Silva, o governador Jaques Wagner e os secretários Osvaldo Barreto (Educação) e Manoel Vitório (Administração) se reúnem com representantes da APLB/Sindicato dos Professores e o juiz Ricardo Schimitt, assessor do Tribunal de Justiça da Bahia.

Na segunda-feira passada (9), o governador encaminhou correspondência ao procurador-geral de Justiça e ao presidente do Tribunal de Justiça , desembargador Mário Alberto Hirs, solicitando intermediação junto à APLB, “com vistas à finalização do movimento grevista”. Na quarta-feira (11), o governador e os secretários detalharam ao procurador a proposta de reajuste para os professores, além de informações complementares sobre o Fundeb e as planilhas com aplicação das promoções.

“Além dos reajustes salariais concedidos à categoria neste ano, que variam de 6,5% a 11,5%, o Governo da Bahia se propõe a conceder aos professores licenciados, em novembro de 2012, promoção por meio de curso, com ganho de 7%, e em abril de 2013, nova promoção, também com ganho de 7%”, afirma Wagner no ofício.

Confira áudio da entrevista com o governador Jaques Wagner sobre a greve dos professores

[audio:http://cdn.jornalgrandebahia.com.br/2012/07/Jaques-Wagner-comenta-sobre-encontro-com-MP-e-Sindicato-dos-professores.mp3|titles=Jaques Wagner comenta sobre encontro com MP e Sindicato dos professores]

Sobre Carlos Augusto 9462 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).