Governo Wagner e Prefeitura de Senhor do Bonfim define modelo de gestão para entreposto frigorífico modular

Logomarca do Jornal Grande Bahia
Logomarca do Jornal Grande Bahia

A Secretaria da Agricultura, por meio da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), e a Prefeitura Municipal de Senhor do Bonfim já definiram o modelo de gestão do entreposto frigorífico modular que está sendo construído na cidade. A unidade, a ser inaugurada ainda este ano, será gerenciada pela prefeitura, tendo a fiscalização da Vigilância Sanitária Municipal e a supervisão da Adab. A reunião que definiu essas estratégias ocorreu esta semana no município, contando com as presenças de representantes de associações de açougueiros, frigoríficos e da Desenbahia, que analisou a possibilidade de concessão de crédito para implantação de balcões de venda de carne adequados à legislação higiênico-sanitária.

“A estrutura de equipamentos e instalações precisa estar adequada para a venda do produto nos mercados municipais, porque os entrepostos estão sendo construídos anexos ao comércio varejista”, explica o diretor de Inspeção, Adriano Bouzas, esclarecendo que as plantas dos entrepostos, criadas pela Adab, são estruturas modulares dotadas de equipamentos em aço inox, onde serão feitas as desossas, separando os cortes de carne. Depois de passar pelo entreposto, a carne é levada aos balcões frigoríficos e mercados municipais para comercialização.

Durante a reunião, ficou acordado ainda um treinamento de funcionários da Vigilância Sanitária para a realização das fiscalizações. O projeto para a construção dos entrepostos frigoríficos modulares, elaborado pela Seagri por meio da Adab, está sendo implantado inicialmente em Igaporã, Uruçuca, Esplanada, Araçás, Boa Vista do Tupim, Mundo Novo, Wenceslau Guimarães, Senhor do Bonfim, Barra do Choça, Tapiramutá, Uauá, Salina das Margaridas e Luis Eduardo Magalhães.

“Com a implantação desta etapa inicial do projeto de frigoríficos modulares, a Adab espera atender à demanda de cidades que não dispõem de frigoríficos, promover a cadeia produtiva da carne e garantir a segurança alimentar por meio da oferta de um produto com qualidade e em matadouros inspecionados”, finaliza o coordenador de Projetos Especiais da Adab, Moacir Araújo.

No dia 25 deste mês, será realizada uma reunião em Senhor do Bonfim para viabilizar crédito e capacitação para os açougueiros se adequarem e adquirirem os equipamentos necessários às condições de venda do produto, conforme a legislação higiênico-sanitária. São parceiros da Adab nesta ação o Sebrae e o Bando do Nordeste.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115139 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.