Decreto do Governado Jaques Wagner amplia área de atuação do CIS, acrescentando novos municípios à base de ação da autarquia

Vista aérea da sede do Centro Industrial do Subaé em Feira de Santana.
CIS com atuação definida em Lei nos municípios de: Feira de Santana, Amélia Rodrigues, Conceição da Feira, Conceição do Jacuípe, São Gonçalo dos Campos e Tanquinho, Anguera, Antônio Cardoso, Candeal, Coração de Maria, Ipecaetá, Irará, Santa Bárbara, Santanópolis, Serra Preta e Riachão do Jacuípe. 
Vista aérea da sede do Centro Industrial do Subaé em Feira de Santana.
CIS com atuação definida em Lei nos municípios de: Feira de Santana, Amélia Rodrigues, Conceição da Feira, Conceição do Jacuípe, São Gonçalo dos Campos e Tanquinho, Anguera, Antônio Cardoso, Candeal, Coração de Maria, Ipecaetá, Irará, Santa Bárbara, Santanópolis, Serra Preta e Riachão do Jacuípe.

O CIS (Centro Industrial do Subaé), autarquia do Governo do Estado da Bahia responsável pelas políticas industriais e de logísticas, com sede em Feira de Santana, tem uma importante conquista a celebrar. Foi publicado hoje (18/07/2012), no Diário Oficial do Estado, decreto que amplia o número dos municípios que ficam sob a responsabilidade do órgão, c

Em passado recente, o CIS quase foi extinto. A mudança de posicionamento ocorre em função de alguns fatos. A boa gestão do diretor do CIS, José Mercês Neto (advogado), indicado pelo senador João Durval e pelo deputado federal Sérgio Carneiro, além do substantivo apoio do deputado estadual Zé Neto (PT-BA), responsável por debater com a sociedade, a importância da autarquia para a microrregião de Feira de Santana. O que resultou na revisão do Governo da Bahia, que passou a tratar o CIS como órgão estratégico para o desenvolvimento.

Confira o decreto

O Governador do Estado da Bahia, Jaques Wagner, no uso de suas atribuições e à vista do disposto no art. 105 da Constituição Estadual e no parágrafo único do art. 1º da Lei nº 5.261, de 31 de agosto de 1989,

Decreta:

Art. 1º. A área de atuação do Centro Industrial do Subaé – CIS, passa a abranger, além do Município de Feira de Santana, em cuja cidade tem sua sede e foro, os Municípios de Amélia Rodrigues, Conceição da Feira, Conceição do Jacuípe, São Gonçalo dos Campos e Tanquinho, que integram a Região Metropolitana de Feira de Santana – RMFS, além dos Municípios de Anguera, Antônio Cardoso, Candeal, Coração de Maria, Ipecaetá, Irará, Santa Bárbara, Santanópolis, Serra Preta e Riachão do Jacuípe, que compõem a área de expansão da referida RMFS.

Sobre Carlos Augusto 9514 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).