Sindicato confirma que gasolina não aumenta na bomba

Sindicato confirma que gasolina não aumenta na bomba.
Sindicato confirma que gasolina não aumenta na bomba.
Sindicato confirma que gasolina não aumenta na bomba.
Sindicato confirma que gasolina não aumenta na bomba.

O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Combustíveis e de Lubrificantes (Sindcom) confirmou que os preços da gasolina e do óleo diesel não serão majorados para o consumidor, apesar do aumento que entrou em vigor hoje nos preços cobrados pela Petrobras às refinarias, de 7,83% para a gasolina e 3,94% para o diesel.

De acordo com o presidente do Sindcom (que tem sede no Rio de Janeiro), Alisio Vaz, a Petrobras já informou ao setor que o reajuste não será repassado para os postos de combustíveis – conforme o governo já havia adiantado na última sexta-feira (22/06/2012) – e, assim, os preços para os consumidores não sofrerão alteração.

“Já recebemos dos nossos associados informações de que não haverá reajuste de preços, já que a Petrobras incorporou à sua remuneração o valor da Cide [Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico], que deixou de ser cobrado sobre a gasolina (R$ 0,09  centavos) e o diesel (R$ 0,45 centavos)”, disse Alisio Vaz.

Para evitar que o reajuste de preços cobrado às refinarias chegasse à população e, assim, tivesse reflexos na inflação, o governo decidiu zerar a Cide que incidia sobre a comercialização dos derivados de petróleo, deixando de arrecadar, dessa forma, cerca de R$ 425 milhões mensais. O objetivo do reajuste para as refinarias é diminuir a defasagem de preços dos combustíveis em relação ao mercado internacional, o que compensa a perda da arrecadação da Cide.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112636 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]