Saúde Pública é o principal problema enfrentado pelos moradores de Salvador

Saúde Pública é o principal problema enfrentado pelos moradores de Salvador.
Saúde Pública é o principal problema enfrentado pelos moradores de Salvador.
Saúde Pública é o principal problema enfrentado pelos moradores de Salvador.
Saúde Pública é o principal problema enfrentado pelos moradores de Salvador.

O levantamento da Pesquisa Eleitoral: Estratégias para vencer a eleição, realizado pela Potencial Pesquisas, traz informações sobre a situação da cidade de salvador; como: satisfação dos moradores, avaliação de gestores, situação da saúde pública, entre outros. A pesquisa apontou a saúde pública entre os problemas que mais causam insatisfação para os moradores de Salvador, citado por 47,8% dos entrevistados, além da segurança pública que aparece para 43,8% e insuficiência no transporte coletivo, com 19,9% dos insatisfeitos.“Os principais problemas é a saúde pública e a segurança. As pessoas sofrem com a falta de médicos e com a dificuldade para fazer exames. A sensação de insegurança está ligada aos problemas com a criminalidade e consumo de drogas”, comenta José Carlos Martins Leite, diretor da Potencial Pesquisas.

O trabalho desenvolvido pelos políticos na Bahia é motivo de vergonha para 47% dos entrevistados, que se sentem mal representados pelos governantes. Cerca de 22,6% dos moradores de Salvador não se sentem representados por nenhum dos políticos da Bahia. Apenas 5,7% das pessoas ouvidas sentem-se bem representadas. “O povo soteropolitano por si só possui uma auto-estima elevada, porém 1/3 da população está insatisfeita. 45% da população vê a situação de Salvador como ruim ou péssima, já percebemos uma queda nessa auto-estima em relação a outros momentos”, explica José Calos.

Mesmo assim, cerca de 45,7% dos entrevistados de Salvador afirmam estar entre satisfeitos e muito satisfeitos em morar na cidade. E 43,5% afirmam estar satisfeitos com a administração da presidente Dilma Roussef, classificado o entre ótimo e bom. Administração do prefeito João Henrique foi considerada péssima ou ruim por 68,1% dos entrevistados e o governo de Jaques Wagner é visto como ruim ou péssimo por 41,5% dos entrevistados.

A Pesquisa 

A avaliação quantitativa, que tem o registro 00018/2012 no TRE – Tribunal Regional Eleitoral, aponta sobre a intenção de voto para prefeito de Salvador, realizada através da aplicação de questionário estruturado, com entrevistas pessoais diretas domiciliares e residenciais, no período de 26 de maio a 29 de maio de 2012. Foram realizadas entrevistas com 811 pessoas e a pesquisa possui um nível de confiança de 95,5%. Dos entrevistados, 46% são homens e 54% são mulheres, sendo que 72% tem idade entre 25 e 59 anos.

A Empresa

A Potencial Pesquisas é especializada na coordenação e realização de projetos de pesquisas de opinião e mercadológica. A empresa é filiada ao CONRE – Conselho Regional de Estatística e a ABMP – Associação Baiana do Mercado Publicitário. A iniciativa do estudo sobre eleições faz parte de um programa institucional contínuo que a POTENCIAL realiza, investigando opiniões e comportamentos dos soteropolitanos sobre temas relevantes para a cidade, gerando informações de domínio público.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9607 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).