Professora Roza Angélica Ribeiro Souza foi condecorada pela Câmara Municipal com a Comenda Maria Quitéria. Confira os debates da CMFS

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

“Professora-operária” é homenageada com a Comenda Maria 

Descrita pelo vereador Justiniano França como uma “professora operária”, Roza Angélica Ribeiro Souza foi condecorada pela Câmara Municipal com a Comenda Maria Quitéria. A sessão solene para outorga da honraria foi realizada na noite de quarta-feira (20/06/2012). A homenagem é de iniciativa do vereador José Marques de Messias – Zé Curuca.

Bastante emocionada, ela agradeceu a Jesus Cristo, aos familiares, amigos, colegas de profissão, alunos, profissionais de imprensa, vereadores e autoridades civis e religiosas que se fizeram presentes.

 Justiniano, que  presidiu os trabalhos, compôs a mesa ao lado do professor José Raimundo de Azevedo, secretário municipal de Educação, (representando o prefeito Tarcízio Pimenta); Antônio Alves dos Santos e Florizia Queiroz Ribeiro, esposo e mãe da homenageada.

 Responsável pelo discurso de saudação à professora, Justiniano relatou que a homenageada é bastante conhecida na área educacional e social do município de Feira de Santana, com destacada atuação.

 O vereador a definiu como “uma humilde sertaneja e brava, como nossa heroína Maria Quitéria”. A homenageada, segundo ele, “é de colocar literalmente a ‘mão na massa’, na massa do reboco, para ajudar nas reformas das escolas”, disse.

 Ele salientou, por exemplo, que, no ano de 1995, a laureada construiu com as próprias mãos, como ajudante de pedreiro, a Igreja Noiva de Cristo junto com a pastora Tânia.

 Informou também que, há 15 anos, a referida professora conseguiu, com o apoio da comunidade, alterar o roteiro do ônibus escolar para que servisse ao povoado de Humildes, na época da gestão da secretária municipal de Educação, Vilma Simões.

 “Trata-se, portanto, de uma cidadã feirense de caráter ilibado, demonstrando ser digna desta homenagem, pois já tem em sua vida 23 anos de serviços prestados como educadora no nosso município. E, com certeza, tem a disposição de servir por muitos anos ao nosso povo”, justifica Justiniano.

Nascida em Humildes

Roza Angélica nasceu no distrito de Humildes, é casada e tem três filhos. Cursou o primário na Escola Padre Henrique Borges, concluindo o ginásio na Escola Municipal Monteiro Lobato e formou-se em Magistério no Instituto de Educação Gastão Guimarães.

 É bacharela em Educação Física pela Faculdade Nobre e pós-graduanda em Gestão Educacional pela Universidade Vasco da Gama. Possui diversos cursos de formação continuada e de extensão, como Massoterapia, Libras e Progestão.

 Ela  iniciou sua carreira profissional na Creche Escola Mãe dos Humildes, hoje Escola Municipal Mãe dos Humildes, onde atualmente é diretora. Já atuou também como professora na Escola Municipal Ester Falcão de Freitas, e como vice-diretora nas Escolas Municipais Getsêmane e Celso Ribeiro Daltro.

Homenageada já vendeu picolé e pipoca e diz que ama “construir e educar” 

A professora que agora recebe a Comenda Maria Quitéria da Câmara de Feira de Santana já vendeu geladinho, picolé e pipoca, trabalhou como manicure e fez serviço de limpeza em uma escola onde a mãe dela trabalhava. “Nunca me envergonhei disso, porque me considero uma vencedora”, afirmou, em discurso na Casa da Cidadania

 Ela foi homenageada em sessão solene da Câmara, na noite de quarta-feira (20). A proposição foi do vereador José Marques de Messias – Zé Curuca. Em sua explanação, Roza Angélica destacou a importância dos familiares e amigos para sua formação pessoal e profissional.

 Atualmente diretora da Escola Municipal Mãe dos Humildes, ela acredita na “premissa máxima” do escritor português, padre Antônio Vieira: “A boa educação é moeda de ouro. Em toda parte tem valor”.

 Apaixonada pela construção civil e pela educação, Roza Angélica se auto intitula como uma “professora operária”. “Gosto tanto de construir quanto de educar vidas”.

 No que tange ao vereador Zé Curuca, a homenageada afirmou que este tem realizado um brilhante trabalho em prol do bem estar do povo e do progresso de Feira de Santana, sobretudo do distrito de Humildes.  Enfatizou que a trajetória de vida de Curuca é semelhante a dela: “marcada pela superação de  desafios”.

 Ela também teceu elogios a Justiniano, salientando que o vereador vem priorizando “os interesses maiores da coletividade, através de ações relevantes para o desenvolvimento do município”

Prefeitura anuncia como pavimentadas ruas que permanecem sem o benefício, afirma Tourinho 

A Prefeitura Municipal de Feira de Santana deverá prestar esclarecimentos sobre a pavimentação das ruas Estrela da Manhã, Genesis e Shalon, no bairro Jardim Acácia. O vereador Roberto Tourinho deu entrada, na Câmara, de um requerimento com esta finalidade.

Ele pretende saber do secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Carlos Firpo, e do prefeito Tarcízio Pimenta qual ou quais  construtoras são responsáveis pela pavimentação das ruas Estrela da Manhã, Genesis e Shalon.

Também questiona o valor individual da pavimentação de cada artéria e quando foi dada a ordem de serviço e qual a data de finalização  e a modalidade de contratação das citadas obras, bem como pede que sejam informados os respectivos números de contratos.

A proposição, que ainda vai ser votada em plenário, pergunta ainda o tipo de  pavimentação que teria sido aplicada nos logradouros.

 Segundo o vereador, estas três ruas estão sendo anunciadas nos principais meios de comunicação da cidade como pavimentadas, “mas, segundo os moradores, não foi feito por lá nenhum serviço de pavimentação”.

Chefe de Gabinete da Seprev seria “representante” de empresa denunciada por irregularidades no concurso de Morro do Chapéu 

O fato repercutiu na Câmara através de discurso do vereador Marialvo Barreto, na quarta-feira (20). Segundo ele, a chefe de gabinete da Secretaria de Prevenção à Violência de Feira de Santana (Seprev), Luciana Flores, seria “representante” da Suprema Concursos, empresa responsável pelo concurso público da Prefeitura de Morro Chapéu.

O concurso, realizado no dia 3 de junho, está sendo alvo de grande confusão, em virtude de irregularidades denunciadas por candidatos. De acordo com Marialvo, cerca de 60 pessoas foram até a Delegacia local e prestaram queixa contra a empresa responsável pela prova.

Disse que a delegada Lucia Jansen afirmou que passará o caso para o Ministério Público para que adote as medidas cabíveis. O vereador fez leitura de uma matéria do site “Morro Notícias”, intitulada “Tumulto e confusão em concurso da Prefeitura de Morro do Chapéu”.

O texto relata as situações adversas sofridas pelos candidatos, a exemplo de “portões fechados, ausência de pessoal responsável, salas sem carteiras e iluminação, cancelamento de vagas sem aviso, provas trocadas, entre outros problemas”.

Desconfiança em concurso organizado por empresa particular

 “Só acredito em concurso público de Prefeitura quando é feito por universidades. Eu posso dizer: quando é empresa particular que faz concurso público 80 a 90% das vagas são destinadas ao prefeito”, afirmou Marialvo.

Ele relatou que na década de 80, quando houve a reforma da Constituição do Brasil, um empresário feirense, dono de uma empresa que realizou um concurso público de uma Prefeitura na Bahia lhe disse, no Sindicato dos Professores, que o prefeito queria 300 vagas de 400 disponíveis e, na véspera do certame, exigiu mais 70 vagas.

Para o petista, este esquema de fraude em concursos públicos continua, como exibiu o “Fantástico”, da TV Globo, veiculada no último domingo.

Servidores da Câmara participam de confraternização junina 

Servidores da Câmara Municipal de Feira de Santana participaram nesta quinta-feira (21/06/2012) de um evento de confraternização junina, na sede da Casa, à rua Visconde do Rio Branco, centro da cidade.

Os funcionários efetivos e coordenadores dos diversos departamentos, assessores parlamentares e vereadores estiveram presentes.

Foi um café da manhã, à base de comidas típicas do período, para marcar a passagem do São João, cuja data é comemorada esta semana.

O presidente da Câmara, o vereador Antônio Francisco Neto – Ribeiro, e a diretora do Legislativo, Maria de Figueiredo, recepcionaram a todos.

“Este encontro é importante para a confraternização dos servidores, que realizam um trabalho exemplar nesta Casa. O funcionário público precisa ser valorizado e merece vivenciar, em seu ambiente de serviço, o espírito junino”, disse o presidente.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108163 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]