Mulher cai em cisterna e morre afogada no município de Serra Preta

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

Morreu afogada nesta quarta-feira (20/06/2012) Ediana Xavier Silva, 36 anos, que morava no povoado da Lagoa do Batista, município de Serra Preta.

De acordo com a ocorrência policial, a vítima caiu em uma cisterna morrendo em seguida. Não há detalhes do fato

O corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana para ser necropsiado.

Veneno: jovem que tentou suicídio morre em hospital

Morreu na tarde desta quarta-feira (20/06/2012), Ivan de Souza Pereira, 23 anos que residia na rua Lauro de Freitas, 549, no bairro do Novo Horizonte . Ele ainda foi socorrido no dia (10/06/2012) na emergência do Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA).

O jovem teria ingerido chumbinho “Veneno de matar ratos”, de acordo com a ocorrência policial registrada no município.

A vítima estava internada em estado grave, mas não resistiu. O motivo do suicídio não foi informado aos policiais militares de plantão do hospital.

Animais domésticos estão sendo exterminados; os gatos estão na mira do massacre

 A Secretaria de Serviços Públicos (Sesp) divulgou dados quantitativos sobre o serviço de remoção de animais mortos em 2012, até o mês de maio. Foi contabilizado pelo Departamento de Limpeza Pública um volume total de 2.833 animais domésticos de várias espécies, recolhidos em domicílios e vias públicas de Feira de Santana.

Entre os animais mortos, removidos por atropelo, velhice, mortes naturais, espancamentos ou doenças estão: cães (2.065) e gatos (717). De acordo com o coordenador do setor responsável, Agripino José de Oliveira, o serviço é ofertado à população através dos requerimentos feitos diariamente por meio dos telefones disponibilizados pela Sesp.

“O atendimento é realizado através de solicitações e a remoção é feita de forma higiênica utilizando materiais apropriados”, ressalta. O atendimento é realizado de segunda-feira a sábado, das 7 às 12 horas e das 14 às 17 horas, mediante solicitações feitas através dos telefones: (75) 3603 -7778. Aos domingos, nos plantões do Centro de Atendimento ao Feirense (Ceaf), por meio do número: (75) 3602-8409.

Essa semana, moradores de diversos bairros denunciaram pelas redes sociais, a matança de gatos e animais domésticos no município. De acordo com os funcionários da prefeitura, a suspeita principal é por envenenamento com chumbinho.

Por mês, cerca de 500 bichos estão sendo recolhidos. Agripino ressalta que 20% dos animais domésticos, na maioria gatos, apresentam características de ter sido envenenados. Os casos foram registrados nos bairros Tomba, George Américo, Campo Limpo, Feira X, Jardim Cruzeiro, Viveiros e Sobradinho.

Todos os animais recolhidos nos anos anteriores

2002- 817
2003 -1.734
2004-2.986
2005-3.797
2006-4.757
2007-5.320
2008-6.590
2009-7.007
2010-7.644
2011-7.255

O delegado Matheus Souza, titular da 1ª Delegacia de Feira de Santana informou que já registrou fato desta natureza. Segundo ele, um homem foi acusado de ter amarrado um cachorro com um corda no fundo da moto e arrastado o animal até a morte. O motivo foi por causa do cão ter comido um pintinho.

Segundo a autoridade policial, o artigo 32 da Lei Federal nº. 9.605/98, considera crime praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, doméstico ou domesticados, nativos ou exóticos. A pena é de detenção que vai de três meses a um ano, e multa.

Parágrafo 1°. – Incorre nas mesmas Penas quem realiza experiência dolorosa ou cruel em animais vivos, ainda que para fins didáticos ou científicos, quando existirem recursos alternativos.

Parágrafo 2°. – A Pena é aumentada de 1 (um) terço a 1(um) sexto, se ocorrer a morte do(s) animal(s).”

As associações protetoras dos animais aconselham a comunidade a denunciar os maus tratos junto à polícia e exigir o cumprimento da lei. O policial que se negar a investigar a denúncia pode responder por crime de prevaricação e negligência. Faça valer seus direitos e o daqueles que não podem falar e sofrem em silêncio!

Jovem é morto a tiros em distrito de Feira de Santana

Geovane Ribeiro dos Santos, 19 anos, que morava no distrito de Tiquaruçu, zona rural de Feira de Santana, foi morto a tiros por volta das 10h desta quarta-feira (20/06/2012).

O jovem foi atingido com três tiros efetuados por um homem não identificado. O crime ocorreu na BR-116, próximo à entrada do distrito de Maria Quitéria.

Segundo informações, recentemente Geovane foi ameaçado de morte, mas até o momento a autoria do crime não definida.

Esta é a 27ª vítima de homicídio do mês de junho, conforme dados da Delegacia de Homicídios (DH) , sob o comando da delegada Milena Calmon.

O corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para ser necropsiado.

Homens ateiam fogo em professor; vítima morre em hospital

O professor Mauro José Pereira Pires, 43 anos, que morava na rua Olhos Castanhos , bairro da Gabriela, em Feira de Santana, morreu no inicio desta semana na unidade hospitalar para tratamento de queimados, no município de Santo Antonio de Jesus.

De acordo com a ocorrência policial, a vítima teve cerca de 80% do corpo queimado após desconhecidos jogarem álcool, e em seguida atearem fogo.

Um dos parentes, Antonio Fernando, disse para a reportagem na manhã desta quarta-feira (20/06/2012), que José era homossexual e suspeita de um ato homofóbico. Daiana, uma das sobrinhas da vítima, disse ao repórter que o tio fazia uso de crack.

Segundo ela, uma da pessoa que passava pelo o local, chegou ajudar a apagar as chamas com um extintor e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) socorreu o professor até o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA).

O fato aconteceu no dia 28 do mês passado, na avenida Maria Quitéria, próximo de uma concessionária de veículos. Devido às complicações com o quadro de saúde, o homem faleceu.

O corpo foi removido para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Feira de Santana para ser necropsiado.

Conjunto Penal tem 50 detentos de fora sem assistência jurídica; Defensoria faz mutirão

A Defensoria Pública em Feira vai realizar, em razão disso, um mutirão, nesta quarta (20/06/2012) e quinta-feira, para viabilizar o apoio jurídico de que necessitam esses presidiários. A informação é da coordenadora do órgão, Liliane do Amaral.

O Conjunto Penal de Feira tem 80 presos que s;ao procedentes de outros municípios, os chamados “detentos de fora”. Trinta deles são assistidos por três defensorias de outros municípios.

Mas a outra parte, maioria, é oriunda de cidades que não contam com unidade da Defensoria Pública e se encontram sem assistência jurídica. A Defensoria em Feira, mesmo com quadro reduzido de defensores, vai lhes propiciar o acompanhamento.

Tribuna Feirense, com informações do programa Subaé Notícias .

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 123126 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.