Eleições 2012: Durante convenção do PDT, PR, PRB e PTC candidatura de Tarcízio Pimenta a prefeito de Feira de Santana é homologada; Críticas a José Ronaldo deram o tom do evento

Tarcízio Pimenta, durante discurso criticou o antecessor e defendeu ações do governo nas áreas sociais como educação e saúde.Tarcízio Pimenta, durante discurso criticou o antecessor e defendeu ações do governo nas áreas sociais como educação e saúde.


O prefeito de Feira de Santana, Tarcízio Pimenta (PDT), teve a candidatura homologada ontem (10/06/2012), durante convenção em que estiveram reunidos PDT, PR, PRB e PTC. O evento ocorreu na casa de shows Garagem.

Durante a fala, o prefeito lembrou que passou dois anos cumprindo os compromissos de campanha com o antecessor, e sem citar o nome de José Ronaldo, afirmou que o governo contou apenas com um ano e seis meses para mostrar a própria identidade administrativa.

Ainda em tom de crítica a José Ronaldo, Pimenta afirma que existe a tentativa de tomada de partidos que querem apoia-lo. A recente cisão do PTN de Feira de Santana, onde o deputado Carlos Geilson defende apoio a José Ronaldo, enquanto os vereadores defendem a manutenção da aliança com Tarcízio Pìmenta, motivou o discurso do prefeito.

A presença do deputado federal Fernando Torres, presidente municipal do PSD, foi saudada por Pimenta, na condição de importante colaborador do governo municipal. Mas, uma aliança entre PDT/PSD não foi confirmada, o que pode indicar uma negociação para que o candidato a vice-prefeito saia do PSD, uma vez que o vice-prefeito não foi homologado durante a convenção, e os partidos e coligações têm até o dia 30 de junho para apresentar a chapa completa, prefeito, vice e vereadores.

Visivelmente entusiasmado com a multidão de aproximadamente quatro mil pessoas que se fizeram presentes na Convenção, Pimenta destacou que o seu governo atuou em áreas prioritárias como Saúde e Educação.

Briga de slogans

O tema ‘Trabalho’ converge nos slogans de campanha dos ex-aliados, Tarcízio Pimenta e José Ronaldo. Enquanto Ronaldo fala que ‘O trabalho vai voltar’, Tarcízio afirma que ‘Mais trabalho a gente vê!’. Ou seja, um diz que o governo do sucessor foi marcado pelo imobilismo. Enquanto o outro, afirma que comparativamente trabalhou mais pelo povo do que o antecessor.

Confira os áudios

[audio:http://cdn.jornalgrandebahia.com.br/2012/06/Tarcízio-Pimenta-entrevista-exclusiva-sobre-candidatura-1.mp3|titles=Tarcízio Pimenta – entrevista exclusiva sobre candidatura 1] [audio:http://cdn.jornalgrandebahia.com.br/2012/06/Tarcízio-Pimenta-entrevista-coletiva-sobre-candidatura-1.mp3|titles=Tarcízio Pimenta – entrevista coletiva sobre candidatura 1] [audio:http://cdn.jornalgrandebahia.com.br/2012/06/Tarcízio-Pimenta-entrevista-coletiva-sobre-candidatura-2.mp3|titles=Tarcízio Pimenta – entrevista coletiva sobre candidatura 2] [audio:http://cdn.jornalgrandebahia.com.br/2012/06/Discurso-de-Tarcízio-Pimenta-durante-a-conveção.mp3|titles=Discurso de Tarcízio Pimenta durante a Convenção.]

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).