Concurso de quadrilhas marca o início do São João no Centro histórico de Salvador

Logomarca do Jornal Grande Bahia
Logomarca do Jornal Grande Bahia

O arrasta-pé movimentou o Centro Histórico de Salvador na noite desta quinta-feira (21/06/2012), com milhares de pessoas se divertindo no primeiro dia da programação do ‘São João no Pelô’.

Os shows no palco do Terreiro de Jesus foram animados pelos forrozeiros Zelito Miranda, Cicinho de Assis e banda Estakazero, e na Praça Tereza Batista, por Eugênio Cerqueira. O secretário estadual do Turismo, Domingos Leonelli, esteve presente e assistiu parte das apresentações.

Com boa parte de participantes do interior, o Concurso de Quadrilhas chamou a atenção de quem passava pela Praça Municipal em direção ao Pelourinho. Os grupos investiram na performance e exibiram cores e alegria. A turista carioca Márcia Juarez Costa afirmou nunca ter visto nada parecido. “É um espetáculo! Estou impressionada com o entusiasmo e a criatividade”.

Decoração

Para envolver ainda mais baianos e turistas no clima do São João, becos, ruas, largos e casarões do Pelourinho foram especialmente decorados com bandeirolas e balões. Em vários pontos, sanfonas e réplicas de discos de Luiz Gonzaga se destacam em homenagem aos 100 anos de nascimento do ‘Rei do Baião’.

O São João do Pelô também atrai os visitantes pelos sabores do interior. Para isso, dezenas de barracas comercializam bebidas e comidas típicas – do licor ao bolo de carimã. De acordo com a assistente social Aline Mendes, “para as pessoas que moram na capital e não podem viajar, a possibilidade de participar da festa com comidas típicas é importante”.

Apresentações

A festa é promovida pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria do Turismo e Bahiatursa, com apresentações sempre das 20h às 2h do dia seguinte. Até domingo (24/06/2012), serão mais de 90 atrações e seis horas de forró por noite com entrada gratuita. A programação completa está disponível no site São João da Bahia

Segundo o secretário Domingos Leonelli, ao promover e apoiar os festejos juninos na Bahia, o Estado ajuda a manter vivos os hábitos e costumes tipicamente nordestinos, o que aquece a economia. “Organizamos a festa aqui [Salvador], em Ilhéus e Porto Seguro e apoiamos as prefeituras de 66 municípios, por meio de convênios com a Bahiatursa”.

*Com informações da SECOM/BA.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 107981 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]