Primeira dama e deputada estadual, Graça Pimenta entrega cestas básicas a mais de 150 famílias carentes da comunidade Morrinhos, em Feira de Santana

Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

Preocupada com a insegurança alimentar ocasionada pela seca que assola o Estado da Bahia e visando tornar o Dia das Mães mais feliz, a primeira dama de Feira de Santana e deputada estadual Graça Pimenta (PR) entregou cestas básicas para mais de 150 famílias que residem na comunidade Morrinhos, no distrito de Jaguara.

Para a dona de casa e moradora da comunidade, Elizabeth de Jesus, as cestas chegaram em boa hora. “Estamos muito contentes com esse belo gesto de dona Graça Pimenta. A nossa situação não está boa por causa da seca e esses alimentos vão ajudar muito. Tinham muitas pessoas passando necessidades aqui. Foi um grande presente de Dia das Mães para mim”, disse.

Anailda dos Santos também recebeu cestas básicas. Para ela, a ação da primeira dama e deputada Graça Pimenta é abençoada. “Agradeço a Deus por iluminar dona Graça e permitir que ela nos traga esses alimentos. Estamos muito contentes. Que Deus abençoe a senhora. Não sabe como estávamos precisando dessa ajuda”, afirmou.

Graça Pimenta entregou as cestas básicas para cada família. “Esta ação social me deixa muito feliz, ainda mais nesses tempos de seca que tem assolado nosso Estado. Muitas famílias não estão dispondo de água para consumo, muito menos alimentos, e isso me preocupa. Então acredito que estas cestas básicas vão ajudar a melhorar a situação. Espero também que o Dia das Mães de muitas donas de casa seja mais feliz”, declara.

A primeira dama e deputada estadual pretende ajudar outras comunidades. À medida que as doações chegam, os alimentos são entregues. No início do mês de abril, Graça Pimenta alegrou a Páscoa de cerca de 150 famílias, entregando cestas básicas na comunidade São João do Cazumbá e no Loteamento Graça Pimenta.

Sobre Carlos Augusto 9515 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).