Em Feira de Santana, SESC promove 2º Mostra de Artes Aldeia Olhos d’Água

Durante nove dias, de sábado, 12, a sábado, 19 de maio de 2012, o Centro SESC de Feira de Santana vai movimentar vários espaços culturais da cidade com o projeto Mostra SESC de Artes - Aldeia Olhos d'Água.
Durante nove dias, de sábado, 12, a sábado, 19 de maio de 2012, o Centro SESC de Feira de Santana vai movimentar vários espaços culturais da cidade com o projeto Mostra SESC de Artes - Aldeia Olhos d'Água.
Durante nove dias, de sábado, 12, a sábado, 19 de maio de 2012, o Centro SESC de Feira de Santana vai movimentar vários espaços culturais da cidade com o projeto Mostra SESC de Artes - Aldeia Olhos d'Água.
Durante nove dias, de sábado, 12, a sábado, 19 de maio de 2012, o Centro SESC de Feira de Santana vai movimentar vários espaços culturais da cidade com o projeto Mostra SESC de Artes - Aldeia Olhos d'Água.

Durante nove dias, de sábado, 12, a sábado, 19 de maio de 2012, o Centro SESC de Feira de Santana vai movimentar vários espaços culturais da cidade com o projeto Mostra SESC de Artes – Aldeia Olhos d’Água, em sua segunda edição. Entre as atividades programadas, a exposição “Desenhos de Cena” do artista visual Miguel Carvalho e mais 13 espetáculos adultos e infantis, sendo quatro apresentações musicais, uma circense e oito cênicas. Também a exibição de cinco filmes, todos do cineasta espanhol Carlos Saura. Além dos espetáculos ainda são oferecidas duas oficinas.

A proposta de realizar a segunda edição da Mostra SESC de Artes se deve “ao fato de considerarmos a demanda de público e o próprio potencial cultural da cidade a ser fomentado. Não devemos simplesmente esperar a obtenção de respostas imediatas no interesse da sociedade local para um grande evento artístico a partir da primeira edição do projeto”, justifica os promotores. “Pois, mesmo que realizado com parcerias adequadas, e conduzido com a maior racionalidade, os esforços são para se sensibilizar uma sociedade para que esta se interesse por obras artísticas culturais nacionais numa perspectiva não-comercial dependente de ações para democratização da arte permitindo as camadas mais desprovidas da sociedade o acesso que antes elas não teriam”, dizem mais. O projeto do Centro SESC também é um investimento no desenvolvimento da cultura local em virtude das ações de intercâmbio promovidas entre as companhias locais e de outros estados.

Sábado, 12 – Programação de abertura: apresentação do espetáculo infantil “Menininha”, do Grupo JLM Produções Artísticas, do Rio de Janeiro, às 15 horas, no Teatro da CDL, para escolas e público em geral; abertura da exposição “Desenhos de Cena”, do artista visual Miguel Carvalho, no Museu de Arte Contemporânea (MAC) Raimundo de Oliveira, às 17 horas; show musical com a sambista Juliana Ribeiro e Banda com a participação especial da cantora feirense Maryzélia e Os Coisinho e, às 20 horas, no Teatro de Arena do Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca).

Domingo, 13 0- Outra apresentação do espetáculo infantil “Menininha”, do Grupo JLM Produções Artísticas, do Rio de Janeiro, às 15 horas, no Teatro da CDL, para escolas e público em geral; encenação do espetáculo adulto “Pai e Filho”, pelo Grupo Pequena Companhia de Teatro, do Maranhão, às 20 horas, no Teatro Margarida Ribeiro.

Segunda-feira, 14 – Início da oficina “O Quadro de Antagônicos”, pelo Grupo Pequena Companhia de Teatro, do Maranhão, na Sala 6 do Cuca, das 8 às 12 horas; início da oficina “Figurino para Teatro e Cinema”, pelo Grupo Viapalco, de Salvador, no MAC, das 14 às 18 horas; encenação do espetáculo circense “Vira Lona, Lona Vira”, do Grupo Viapalco, de Salvador, às 15 horas, no Teatro do Cuca; exibição do filme “Carmen”, às 19 horas, no Centro SESC.

Terça-feira, 15 – Seqüência da oficina “O Quadro de Antagônicos”, na Sala 6 do Cuca, das 8 às 12 horas; seqüência da oficina “Figurino para Teatro e Cinema”, no MAC, das 14 às 18 horas; exibição do filme “Bodas de Sangue”, às 19 horas, no Centro SESC; show musical do grupo Viola de Arame, de Salvador, às 19 horas, no Teatro da CDL.

Quarta-feira, 16 – Seqüência da oficina “Figurino para Teatro e Cinema”, no MAC, das 14 às 18 horas; exibição do filme “Fados”, às 19 horas, no Centro SESC; encenação do espetáculo adulto “Fernando Pessoa”, do Grupo Criaturas Cênicas, de Salvador, às 19 horas, no Teatro do Cuca.

Quinta-feira, 17 – Encerramento da Oficina “Figurino para Teatro e Cinema, no MAC, das 14 às 18 horas; encenação do espetáculo adulto “O Inquilino do Sublime”, de Feira de Santana às 19h, no Teatro do Cuca; musical com Paulo Costa, às 20 horas, na Arena do Cuca.

Sexta-feira, 18 – Exibição do filme “Tango”, às 19 horas, no Centro SESC; encenação do espetáculo adulto “Ensaio de Casamento”, do Grupo Teatro em Boa Companhia, de Salvador, às 19 horas, no Teatro Ângela Oliveira, do Centro de Cultura Maestro Miro.

Sábado, 19 – Apresentação do espetáculo infantil “Os Cigarras e os Formigas”, pela Cia Cuca de Teatro, no Teatro do Cuca; reapresentação do espetáculo “Ensaio de Casamento”, com o Grupo Teatro em Boa Companhia, de Salvador; Forró com J. Sobrinho e Trio, às 21 horas, no Casarão Olhos d’Água.

A Mostra SESC de Artes Aldeia Olhos d’Água é uma ação do projeto Palco Giratório – Rede SESC de Difusão e Intercâmbio das Artes Cênicas criado em 1997 pelo Departamento Nacional do SESC e é promovido em parceria com os Departamentos Regionais. As “Aldeias” ampliam a ação do SESC possibilitando a geração de renda no setor cultural, trocas de bens culturais, difusão, intercâmbio e descentralização de produções artísticas nas mais diversas linguagens, como: teatro, dança, musica, cinema, exposições, e tradição oral.

A Aldeia Olhos D’Água, conta com as parcerias do Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca), Teatro da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Teatro Municipal Ângela Oliveira, do Centro de Cultura Maestro Miro, Teatro Municipal Margarida Ribeiro e Museu de Arte Contemporânea (MAC) Raimundo de Oliveira e Fundação Alfredo da Costa e Almeida Pedra – Casarão dos Olhos D’Água.

O show de abertura Juliana Ribeiro e Marizelia será gratuito assim como o de Paulo Costa. Os espetáculos de teatro terão valor de R$ 5,00 meia e R$ 10,00 inteira.

Informações:  www.sescbahia.com.br e tel. Do SESC: 75 3622.1077

Sobre Carlos Augusto 9707 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).