Deputado Zé Neto cobra agilidade nas obras do Anel de Contorno de Feira de Santana e ViaBahia pede apoio do Governo para interlocução com COELBA e EMBASA

Zé Neto se reune com diretores da Via Bahia. Deputado se comprometeu em buscar interlocução junto aos órgãos estaduais para que os entraves nas obras sejam resolvidos.
Zé Neto se reune com diretores da Via Bahia. Deputado se comprometeu em buscar interlocução junto aos órgãos estaduais para que os entraves nas obras sejam resolvidos.
Zé Neto se reune com diretores da Via Bahia. Deputado se comprometeu em buscar interlocução junto aos órgãos estaduais para que os entraves nas obras sejam resolvidos.
Zé Neto se reune com diretores da Via Bahia. Deputado se comprometeu em buscar interlocução junto aos órgãos estaduais para que os entraves nas obras sejam resolvidos.

Compromissado com o desenvolvimento urbano, econômico e social de Feira de Santana, na manhã desta quinta-feira (17/05/2012), o líder do Governo na Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Zé Neto (PT), reuniu-se com o diretor-superintendente da ViaBahia, José Carlos Navas e o diretor de Engenharia da concessionária, Marcos Fonseca,  para discutir a continuidade das obras de duplicação do Anel de Contorno de Feira.

Este Anel viário é considerado um desafogador do trânsito interno da cidade e que, por conta do fluxo atual, não está podendo cumprir o seu papel com eficiência.

“A obra do contorno é mais do que emergente e, nesse instante, em função da grande demanda que se acumulou nos últimos dois anos, com um grande fluxo de caminhões, principalmente no fim da tarde, urge uma atenção redobrada para duplicação do Anel de Contorno”, apontou o deputado.

De acordo com o diretor da Via Bahia, as obras foram interrompidas por conta da necessidade de fazer realocação de postes e adutoras. Assim, ele solicitou a Zé Neto interlocução junto a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) e a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) para garantir a produtividade na prestação do serviço pela concessionária.

Em resposta, Zé Neto disse que fará o possível no sentido de ajudar. “Eu acho que não se pode viver só de conflito. O que for possível ser feito para que a Via Bahia possa realizar um cronograma nós vamos fazer. Vou conversar com a Coelba a Embasa e demais órgãos estaduais envolvidos para agilizar a parte que nos cabe”, afirmou o líder do Governo.

O deputado também colocou em pauta a duplicação de 80 Km da BR-116 e a segunda parte do Contorno Norte, que dará avanço para a logística da segunda maior da Bahia. Assim, o presidente da Via Bahia se comprometeu em, após a reunião na quinta-feira (24), em reunião nacional com a superintendência da ANTT, trazer algum posicionamento acerca da cobrança.

Na opinião de Zé Neto, é possível fazer uma readequação no prazo do contrato com a Via Bahia e incluir o Contorno Norte neste panorama. “Isso não acontecendo, vamos esperar que a Via Bahia possa fazer um projeto executivo para que os custos sejam levados ao Governo Federal a fim de que o Departamento Nacional de Transportes Terrestres (DNIT) absorva a construção desta etapa do Contorno Norte de Feira de Santana”, sugeriu o parlamentar.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9609 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).