Expansão econômica em Feira de Santana é destaque

Secretário Magno Felzemburgh diz que outro ponto relevante nesse aquecimento do setor imobiliário é a geração de novos postos de trabalho.
Secretário Magno Felzemburgh diz que outro ponto relevante nesse aquecimento do setor imobiliário é a geração de novos postos de trabalho.
Secretário Magno Felzemburgh diz que outro ponto relevante nesse aquecimento do setor imobiliário é a geração de novos postos de trabalho.
Secretário Magno Felzemburgh diz que outro ponto relevante nesse aquecimento do setor imobiliário é a geração de novos postos de trabalho.

O crescimento imobiliário em Feira de Santana ganhou destaque em nível estadual. O assunto foi tema de matéria para o caderno especial Municípios, veiculado na edição de sábado (25/02/2012) do jornal A Tarde. O texto chama atenção para a chegada de novas empresas e geração de novos postos de trabalho, o que tem alavancado a economia do Município, bem como a expansão da cidade para áreas mais afastadas do centro – resultado da instalação de novos empreendimentos, a exemplo de condomínios, prédios e conjuntos habitacionais.

A reportagem do A Tarde “Setor Imobiliário alavanca expansão econômica” destaca que até maio de 2011 foram construídos na cidade 162 condomínios residenciais, segundo dados da Secretaria Municipal de Planejamento. E revela que a pujança econômica do município tem atraído, ainda, construtoras de outros estados, a exemplo da Alphaville Urbanismo – empreendimento situado às margens do Rio Jacuípe (trecho da BR-116/Sul), numa área de 440.843 metros quadrados – que nas primeiras cinco horas de lançamento vendeu todos os 397 lotes residenciais e 25 comerciais, a um custo de R$ 140 mil cada.

O texto cita o crescimento imobiliário alavancado também pelo Programa Minha Casa, Minha Vida. Nos bairros Mangabeira e Conceição, por exemplo, “foram construídos sete empreendimentos do programa habitacional nos últimos dois anos e meio, contemplando 2.584 famílias. Outros cinco imóveis na Mangabeira estão em fase de conclusão e vão beneficiar 1.740 famílias. Em toda a cidade, o Minha Casa, Minha Vida já atendeu 3.544 famílias de baixa renda e outras 3.794 foram sinalizadas para receber o benefício da casa própria”.

A comprovação da expansão econômica de Feira de Santana é revelada também em dados apresentados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A matéria informa que “pesquisa referente ao ano de 2009, aponta que o PIB em Feira de Santana foi de 6,3 bilhões. O crescimento da economia feirense em relação ao ano anterior foi de 18%. Na distribuição per capita (por número de habitantes), o PIB ficou em R$ 10.745,41, número que deixou o município em terceiro lugar na região Nordeste, excluindo as capitais e regiões metropolitanas”.

Na entrevista ao jornal, o secretário municipal de Turismo e Desenvolvimento Econômico (SETDEC), Magno Felzemburgh, diz que outro ponto relevante nesse aquecimento do setor imobiliário é a geração de novos postos de trabalho. Ele pontua que o município vem apresentando saldos positivos no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), conquistando sempre as três primeiras colocações.

Já na observação do diretor-presidente da EPP Empreendimentos Imobiliários, Construções e Participações Ltda, e um dos principais acionistas do Shopping Boulevard, Edson Piaggio, “o crescimento do setor imobiliário em Feira de Santana é consequência da própria evolução econômica da cidade”.

Plantão de secretários

Neste sábado (03/03/2012) e no domingo (04/03/2012) estarão de plantão os secretários municipais de Administração, Jairo Carneiro Filho; e de Desenvolvimento Urbano, Carlos Alberto Firpo.

Os cidadãos podem entrar em contato com os plantonistas pelo telefone 3602-8409, para solicitar serviços ou fazer sugestões.

Menor tempo resposta e profissionais treinados

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) de Feira de Santana é referência no Norte e Nordeste. Só em 2011 foram registrados 55.152 chamados, sendo 30.847 orientações médicas por telefone e 12.308 trotes. No mesmo ano o SAMUtambém realizou 11.997 atendimentos nas áreas de urgência e emergência, prestando socorro às vítimas em diversas especialidades.

O órgão disponibiliza uma equipe de mais de 136 profissionais das áreas de saúde e administração, e seis ambulâncias. Os funcionários se dividem entre 52 técnicos de enfermagem, 46 condutores, 15 enfermeiros e 23 médicos. Nos últimos três anos, inclusive, houve algumas substituições do quadro médico anterior.

Os novos profissionais (médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem) foram devidamente treinados e capacitados para desempenhar o serviço de urgência na cidade. Na central do órgão, mais servidores dão apoio logístico e administrativo, realizando a triagem dos chamados, para identificar os que merecem prioridade e assim oferecer o menor tempo resposta de atendimento.

Operando com seis ambulâncias, cinco Unidades de Suporte Básico (USB) e uma Unidade de Suporte Avançado (USA), o serviço oferece tempo resposta de atendimento de aproximadamente 15 minutos. De acordo com coordenadora do órgão, Maíza Macedo, pesquisas comprovam que o tempo resposta do Samu na cidade é compatível aos melhores serviços de saúde móveis do país e do mundo.

“A média de tempo de chegada ao local de atendimento para socorrer vítimas graves, com risco absoluto, é de 10 minutos. Através da triagem, é analisada qual ocorrência merece prioridade, de acordo com as informações passadas pelo solicitante do serviço”, salienta.

Ela informa ainda que o SAMU recebe em média 250 ligações diariamente. Neste total, estão incluídos trotes, pedidos de orientações médicas e atendimento aos chamados, com as saídas das ambulâncias. As ocorrências registradas equivalem a 65 e resultam em 40 saídas diárias. Já as orientações médicas são prestadas em média 100 vezes ao dia. O Samu foi inaugurado em Feira de Santana no mês de setembro de 2004.

CRMQ promove ação social no Dia da Mulher

Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, comemorado na próxima quinta-feira (8), o Centro de Referência Maria Quitéria (CRMQ) vai realizar ações sociais no estacionamento do Paço Municipal Maria Quitéria, das 9 às 17h, e uma caminhada às 8h. O percurso será definido e anunciado nos próximos dias.

As ações terão participação da Secretarias Municipais de Desenvolvimento Social e Saúde, com teste de glicemia, tipagem sanguínea e orientação sobre a saúde da mulher. O Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) também vai estar presente, agendando atendimento para as pessoas fazerem a Carteira de Identidade.

Segundo a coordenadora do CRMQ, Maria Luiza da Silva Coelho, o evento vai contar, ainda, com estudantes da Faculdade Nobre (FAN) realizando orientação nutricional, e alunos da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) prestando orientações sobre escovação dentária.

“Esta é a primeira vez que o CRMQ desenvolve ações sociais voltadas para a mulher. Será a oportunidade de elas se informarem sobre todos os serviços que têm direito e participarem de ações importantes”, destaca a coordenadora Maria Luiza. A iniciativa também vai contar com a participação da Vara da Violência Doméstica e Familiar e Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM).

Mais Educação será apresentado a diretores

Coordenadores e diretores das escolas públicas municipais integrantes do Programa Mais Educação em Feira de Santana participam nesta terça-feira (06/03/2012), às 8h30, de encontro com a coordenação técnica do programa. O evento vai acontecer na Universidade Santo Amaro (UNISA), situada na Avenida Getúlio Vargas.

Ao todo, 48 unidades de ensino de Feira participam do programa desde o ano de 2010, envolvendo mais de 3.500 alunos do Ensino Fundamental. Outras 20 escolas municipais estão em fase de adesão. “A nossa expectativa é aumentar significativamente o número de alunos beneficiados”, avalia a professora Vera Lúcia Bastos, da coordenação técnica do programa na Secretaria Municipal de Educação.

Durante o evento, a professora Claudia Cristina Pinto Santos, da Secretaria Estadual de Educação, faz palestra para os educadores. Ela vai abordar sobre a importância do Mais Educação para as escolas, destacando benefícios para os alunos e seu funcionamento de modo geral.

O programa é resultado da parceria entre o Governo Municipal e o Ministério da Educação. Através do Mais Educação, os alunos são integrados em uma série de atividades socioeducativas no turno oposto ao das aulas convencionais, como letramento, matemática, grafite, recreação, bandas e fanfarras, capoeira, dança e rádio escolar, entre outras.

“São atividades que contribuem para a formação integral da criança e do adolescente tanto no campo da instrução como também no aspecto socioeducativo, valorizando o futuro cidadão porque investe em atividades lúdicas e criativas”, comenta o secretário José Raimundo Pereira de Azevedo.

200 recadastramentos do passe livre por dia

A Central de Atendimento Especial da Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) está realizando uma média de 200 recadastramentos de usuários do passe livre diariamente. O prazo para a regularização da situação cadastral se estende até o dia 30 de março e pode ser feito das 7h30 às 13h30, na sede do órgão, localizado na Rua Newton Vieira, s/nº, bairro São João, próximo ao Shopping Boulevard.

A expectativa é que sejam recadastrados cerca de 7 mil beneficiários. O secretário municipal de Transportes e Trânsito, Flailton Frankles, explica que o número de usuários do benefício cresce a cada ano. “Todos os dias a gente tem tido uma grande demanda de atendimento e isso é um reflexo do crescimento do número de usuários do serviço”, afirma.

O passe livre oferece acesso gratuito ao transporte coletivo urbano para idosos a partir de 60 anos de idade, com exceção para os usuários que tenham de 60 até 64 anos e estejam trabalhando, e com o direito de utilizarem o serviço de transporte público municipal. O secretário informa que as pessoas podem programar o atendimento sem nenhuma pressa.

“O prazo vai até o dia 30 de março e estamos trabalhando para garantir todo o conforto e comodidade aos cidadãos durante o atendimento”, salienta. Para recadastrar o passe livre, o usuário precisa apresentar a fotocópia da Carteira de Identidade, do comprovante de residência atual e relatório médico atualizado, a partir do mês de dezembro de 2011.

Dúvidas ou reclamações através dos telefones (75) 3603 7311, em horário comercial, ou (75) 3603 7304, telefone do Serviço de Atendimento de Transportes e Trânsito (SERVTRAN), que funciona 24 horas.

Concluída recuperação da Praça 2 de Julho

Comerciantes e transeuntes que circulam diariamente pela Praça 2 de Julho, localizada na rua Filinto Bastos (antiga Rua de Aurora), no bairro Barroquinha, passaram a desfrutar de um equipamento muito mais organizado. Hoje a praça está pintada, dispõe de paisagismo moderno, bancos, melhor iluminação e, sobretudo, melhor aspecto.

As melhorias foram executadas pela Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SESP), e serão entregues pelo prefeito Tarcízio Pimenta à comunidade na tarde desta sexta-feira (02/03/2012), às 17 horas.

Na manhã de hoje, praticamente todos os serviços estavam concluídos, e apenas a varrição era refeita para garantir a limpeza e melhor organização do equipamento. Quem andar pela praça vai perceber que as árvores foram podadas, foi realizada capinação e os canteiros ganharam um colorido com espécies de palmeiras, herbáceas, grama e plantas de pequeno porte.

Visitante da praça há mais de 10 anos e comerciante no local há seis meses, Antônio Carlos Santos afirma que as condições do equipamento melhoraram sensivelmente. “Hoje nós temos muito mais movimento com a praça organizada. Ficou tudo bonito. Parabéns ao Governo Municipal”, disse.

A lavradora Fabiana Gonçalves também passa pelo equipamento sempre e assegura que ficou satisfeita com a intervenção. “Agora tem até bancos para a gente sentar, porque antes era tudo mais difícil. Também gostei do jardim e da pintura nos bancos”, declara.

Procon faz ação em imobiliárias

Evitar que o consumidor seja enganado no ato de adquirir um imóvel. Com este objetivo, a Superintendência Municipal de Defesa do Consumidor (PROCON), em Feira de Santana, vai realizar ações nas imobiliárias da cidade com intuito de esclarecer dúvidas dos clientes, evitando que os mesmos assinem contratos com irregularidades.

O superintendente do órgão, Rafael Pinto Cordeiro, explica que as construtoras e imobiliárias apresentam aos seus clientes contratos modelo pré-determinados. “As cláusulas do contrato não são discutidas e dificilmente o consumidor observa todos os itens antes de assinar”, afirma.

Visando evitar equívocos e problemas para o consumidor, diz o superintendente, o Procon vai verificar as condições em que os imóveis estão sendo comercializados na cidade. “Vamos solicitar às imobiliárias, os modelos dos contratos apresentados aos clientes, para que os advogados do Procon verifiquem as possíveis irregularidades. Caso sejam encontradas cláusulas abusivas, serão solicitadas as devidas correções para que se adequem com a legislação”, assegura.

Rafael Cordeiro recomenda que o cliente busque sempre um acompanhamento jurídico. “É importante que o consumidor conte com a ajuda de um advogado no momento da análise contratual”, alerta. A primeira ação do Procon nesse sentido foi realizada na tarde de quinta-feira (01/03/2012), nos condomínios do Vila Olímpia. “Não será possível vistoriar todos os empreendimentos, mas o PROCON vai fazer o possível para que o consumidor possa ter maior segurança”, pontua.

Fardamento e material escolar na rede de ensino

Escolas reformadas, material escolar, fardamento completo, lousa digital, unidades informatizadas e profissionais capacitados. Estes são alguns dos principais investimentos da Prefeitura de Feira de Santana na rede municipal de ensino ao longo dos anos.

Hoje, praticamente 85% das escolas municipais estão reformadas com a infraestrutura necessária para atender a comunidade escolar. Com o investimento, alunos e professores desfrutam de salas equipadas e confortáveis, quadro branco, laboratório de informática e até mesmo lousa digital para auxiliar o ensino.

Após dar início à recuperação das escolas, o Governo Municipal também passou a oferecer fardamento completo para os alunos, o que impede, em alguns casos, a ausência do estudante na sala de aula. E, para incentivar ainda mais a educação, os alunos começaram a receber kits de material escolar neste ano.

“O material entregue é reciclável, mas é de alta qualidade e contribui para o meio ambiente. Feira de Santana tem passado por uma grande revolução na educação. É o governo que mais investe na melhoria da educação”, declara o secretário municipal de Educação, José Raimundo Pereira de Azevêdo.

As melhorias foram destacadas pelo secretário na manhã de quinta-feira (01/03/2012), durante assinatura de convênio entre os Governos Municipal e Estadual para municipalizar oito escolas estaduais e doar dois terrenos ao estado para construir escolas na Mangabeira e Viveiros. A solenidade foi realizada no Paço Municipal Maria Quitéria.

Moradores comemoram asfalto na Pampalona

A noite desta quinta-feira (01/03/2012) foi de alegria e muitas comemorações para os moradores da rua Miguelópolis, situada no bairro Pampalona. Após mais de 20 anos, a comunidade recebeu a via pública pavimentada com Concreto Betuminoso Usinado à Quente (CBUQ) e completamente sinalizada.

Além disso, a rua foi contemplada com serviços de limpeza, varrição, pintura de meio fio e melhorias na iluminação. O ato de entrega contou com a presença do prefeito Tarcízio Pimenta, vereadores David Neto e Alcione Cedraz, além dos secretários municipais Carlos Alberto Firpo (Desenvolvimento Urbano); e Alexandre Monteiro (Serviços Públicos) e o superintendente municipal de Trânsito, Denílson Santiago.

Moradora da Miguelópolis há 25 anos, a dona de casa Maria de Lourdes Silva relembra que bastava sair de casa nos dias de chuva para pisar na lama, pois a rua não dispunha de nenhum calçamento. “Hoje estamos felizes da vida com a nossa rua organizada e limpa. A gente esperava por essa obra há muito tempo”, disse.

A doméstica Edna Santos, também moradora da via pública, relata que a localidade tinha muitos buracos, o que piorava quando chovia. “A gente já imaginava porque o acesso era muito mais difícil. Ficava ruim para passar andando, de carro. Era tudo complicado, mas agora está uma maravilha”, afirma.

O vereador David Neto destacou que além dos calçamentos e pavimentações asfálticas, os bairros Pampalona, Sítio Novo e regiões vizinhas têm sido contemplados com extensão de rede elétrica e recuperação de postos de saúde. “Só temos a comemorar com tantos investimentos. Parabéns ao Governo Municipal pelas realizações”, pontua.

Ao lançar a obra na rua, relembra o prefeito, havia muita poeira. “Mas hoje a rua está bonita e com asfalto. Muitas obras têm acontecido aqui para beneficiar a todos os moradores”, ressalta. A via pública possui 200 metros de extensão e foi pavimentada com recursos próprios do Município.

Nesta sexta-feira (02/03/2012), a Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SESP) entrega a Praça 2 de Julho, às 17h, totalmente recuperada.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116841 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.