Deputado Carlos Geilson alerta: prazo extrapola e Região Metropolitana de Feira de Santana não é concretizada

Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia, compromisso em informar.

Passados 240 dias da aprovação do projeto de lei complementar que cria a Região Metropolitana de Feira de Santana (RMFS), a mesma ainda não foi concretizada. Em sessão plenária, nesta quarta-feira (07/03/2012), o deputado estadual Carlos Geilson (PTN) cobrou medidas do líder do Governo, deputado Zé Neto (PT).

“Defendemos a criação da RMFS nesta Casa por entendermos os benefícios que poderiam ser alcançados. O Governo pediu 180 dias para normatizar o projeto, tentamos de todas as maneiras reduzir o prazo para 90 ou até 120 dias, mas a base governista estava irredutível. Nisso, não foram apenas 180 dias. Pasmem! Já se passaram 240 dias e nenhum benefício foi conquistado pelo Governo para Feira ou um dos outros municípios através da Região Metropolitana”, frisou Geilson.

A Assembleia Legislativa da Bahia aprovou o projeto durante sessão especial dia 16 de junho de 2011. Dentre os benefícios previstos para os municípios inclusos na RMFS – Feira de Santana, São Gonçalo dos Campos, Conceição da Feira, Amélia Rodrigues, Conceição do Jacuípe e Tanquinho – estão a redução do valor da conta telefônica, que passa a ser de ligação local entre as cidades, captação de recursos de diversas fontes, por meio de um fundo de desenvolvimento metropolitano, e a criação do Policiamento Metropolitano, responsável pela cobertura de toda a área sob a inspeção e vigilância do Comando Metropolitano.

 

Sobre Carlos Augusto 9515 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).